Foto: Montagem Revista Oeste/Shutterstock
Foto: Montagem Revista Oeste/Shutterstock

Carta ao Leitor

As propostas absurdas do programa de governo petista estão entre os destaques desta edição

Em março de 2020, Oeste nasceu, com um objetivo claramente definido: oferecer aos leitores um jornalismo de alta qualidade, com textos bem escritos e informações apuradas com rigor. A revista comprometeu-se a promover, em artigos e reportagens, a defesa incondicional do liberalismo econômico, da democracia, do capitalismo e da liberdade.

Passados dois anos, é evidente que a revista cumpriu essas promessas. Hoje, principal publicação independente do país, Oeste inaugurou, na quinta-feira 23, uma nova etapa de sua trajetória vitoriosa: o mergulho no audiovisual. A estreia do Estúdio Oeste, comandado por Silvio Navarro, reuniu durante duas horas e meia personalidades respeitadas sobretudo pela coragem (assista abaixo ao vídeo completo)

Muitas delas foram essenciais para que Oeste pudesse contar os fatos como os fatos são — frequentemente na contramão do discurso homogêneo propagado pelos veículos de comunicação convencionais. Fomos os primeiros, por exemplo, a contestar a eficácia dos lockdowns para controlar a pandemia de coronavírus. Também prevenimos para as consequências desastrosas dos longos períodos de paralisia impostos às escolas. E nos opusemos desde o primeiro dia às arbitrariedades praticadas pelo Supremo Tribunal Federal. O tempo já nos deu razão.

Nesta edição, Oeste destaca, no artigo de capa, um projeto, fantasiado de programa de governo, urdido para destruir o Brasil. Entre as propostas do PT para o terceiro mandato de Lula, figuram retrocessos intoleráveis como a retomada do imposto sindical obrigatório, a revogação da Reforma Trabalhista, a abolição do teto de gastos, a reestatização do que foi privatizado e a implantação da censura à imprensa, agora disfarçada de democratização dos meios de comunicação. “Pense em alguma coisa boa: Lula é contra”, afirma J.R. Guzzo. “Pense em alguma coisa ruim: vai estar, com certeza, nos seus planos de governo.”

Não é tudo. A bancada petista na Câmara também quer criar um imposto de até 30% sobre as exportações brasileiras de produtos agrícolas. Parece piada de mau gosto. Lastimavelmente, é real. Tão real que deveria ser denunciada nas manchetes do noticiário de todas as publicações brasileiras. Mas isso você também só vai encontrar aqui em Oeste.

Boa leitura.

Branca Nunes

Diretora de Redação

Luiz Inácio Lula da Silva. Capa Edição 118 | Foto: Hélvio Romero/Estadão Conteúdo/AE

 

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

11 comentários Ver comentários

  1. VOTO IMPRESSO. Não podemos nos perder no lero-lero dessa discussão, criada com o objetivo de nos desviar do foco da questão. É preciso retomar a discussão sobre a necessidade de VOTO IMPRESSO no pleito de 2022. É aqui que a esquerda irá jolgar a ultima cartada e fraudar as urnas para que o candidato LADRÃO e ex-presidiário, condenado por FRAUDE, CORRUPÇÃO E ROUBO, ganhe as eleições fraudando as urnas.

  2. HONESTIDADE COMO CONDIÇÃO FUNDAMENTAL. Mais importante do que qualquer outro tema que se possa destacar como ferramenta para a eleição de 2022, temos que considerar a HONESTIDADE DOS CANDIDATOS como questão fundamental. Não podemos relativizar nesse aspecto. Temos que radicalizar. Até porque, o brasileiro precisa adotar outro modelo que não seja do “jeitinho”.

  3. ais importante do que qualquer outro tema que se possa destacar como ferramenta para a eleição de 2022, temos que considerar a HONESTIDADE DOS CANDIDATOS como questão fundamental. Não podemos relativizar nesse aspecto. Temos que radicalizar. Até porque, o brasileiro precisa adotar outro modelo que não seja do “jeitinho”.

  4. Como sempre se diz, o PT, em seus 13 anos de desgoverno, nunca apresentou um projeto de governo, apenas desfrutou do poder para roubar e destruir a Nação. Agora está voltando, mostrando seu projeto de poder, ou seja, o que eles pretendem fazer para acabar com o Brasil, criar a tal pátria grande, onde eles e seus aliados vão usufruir do poder.

  5. Comentários como este do Sr. Fakir, são de alguém que não ouve a Jovem Pan ou comenta sem noção de realidade. Liberdade de expressão dentro da emissora é próprio de uma realidade que deveria ser considerada por todas as emissoras. Comentários preconceituosos como o deste senhor não deveriam nem ser aceitos pela Revista Oeste mas, levo em conta que também esta publicação segue a liberdade de expressão como todas deveriam ser.

  6. OESTE sempre sóbria, corajosa e impecavelmente bem escrita. Tudo isso sob seu comando. Sob meus aplausos pra você e pra todos.

  7. Na Jovem Pan os jornalistas de esquerda já estão chamando de América do Sul “Cor de Rosa”, para evitarem “vermelha”. Jornalistas de direita tem somente meia dúzia. Tiro o chapéu para eles. Não dou mais 3 meses para a JP virar uma CNN. No início a CNN foi uma JP de hoje. Devagarzinho os jornalistas tomam conta e o dono chupa o dedo ou come as jornalistas. Não sobra muito para o dono. Se o dono for homossexual sobra para ele comer ou dár para os jornalistas, em sua maioria viados.

  8. Bom dia a todos!
    Para quem não convive com as dificuldades sociais…E pagar pra ver.
    Veremos um atraso TOTAL das conquistas que ora são evidentes…
    Os BRASILEIROS , precisamos ACORDAR.

  9. A fome da quadrilha para destruir o país é tanta que não estão nem aí para o projeto de cura , querem assassinar o país, típica do pt

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.