-Publicidade-

Vacina da Oxford: Anvisa dá aval para importação de doses

Cerca de 2 milhões de unidades receberam sinal verde; Fiocruz fará o pedido de uso emergencial até 6 de janeiro
Governo prevê que o Brasil produzirá 100 milhões de doses do composto até o segundo trimestre deste ano
Governo prevê que o Brasil produzirá 100 milhões de doses do composto até o segundo trimestre deste ano | Foto: Lidianne Andrade/Estadão Conteúdo

No sábado 2, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) aprovou o pedido feito pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) para importar dois milhões de doses da vacina experimental contra a covid-19 desenvolvida pela Universidade de Oxford. O protótipo de imunizante é financiado pelo laboratório AstraZeneca. De acordo com a Anvisa, a autorização só vale para a importação das doses porque o processo de registro ainda está em andamento.

A Fiocruz deve fazer o pedido de uso emergencial do produto, até a quarta-feira 6. No documento que enviou à agência reguladora para importar as unidades da mercadoria, a Fiocruz informou que o propósito é antecipar a imunização contra a covid-19, de fevereiro para janeiro. O Ministério da Saúde prevê que o Brasil produzirá 100 milhões de doses do composto até o segundo trimestre deste ano. O governo federal comprou a tecnologia estrangeira.

Leia também: “Na Argentina, vacina russa provoca 317 ‘eventos adversos'”

* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

4 comentários

    1. Excelente notícia.
      A ANVISA operou sem atropelos, agiu e reagiu sem submeter-se a pressões.
      E o Lewan atuou pra tentar fazer valer o governo paralelo PT, PSOL, PCdoB e outras perebas de plantão…..
      Felizmente o Brasil é maior que a mediocridade esquerdista presente no congresso e no judiciário.

Envie um comentário

-Publicidade-
Exclusivo para assinantes.
R$ 19,90 por mês