'Se economia não voltar, vai ter gente morrendo de fome', diz Braga Netto - Revista Oeste

Em 22 Maio 2020, 14:00

‘Se economia não voltar, vai ter gente morrendo de fome’, diz Braga Netto

22 Maio 2020, 14:00

Ministro-chefe da Casa Civil anunciou Medida Provisória e programa para incentivar a retomada das atividades econômicas no país

Braga Netto: Pró-Brasil deve começar em 60 dias | Foto: Marcelo Casal Jr. / Agência Brasil

O ministro-chefe da Casa Civil, Walter Braga Netto, participou, nesta sexta-feira, de uma sessão da Comissão Mista do Congresso Nacional sobre a covid-19 e detalhou as ações tomadas pelo governo federal para combater a pandemia no país. Ao comentar sobre o coronavoucher, o ministro avisou: “O recurso é finito. Quando terminar o recurso, e não tem como continuar por muito tempo, a economia tem que voltar e aí nós precisamos do apoio dos senhores, porque se a economia não voltar, nós vamos ter gente morrendo de fome e vamos ter caos social, de desabastecimento e tudo mais”.

Braga Netto também disse que, por enquanto, os níveis de desemprego e abastecimento estão sob controle, porque o governo federal tem se desdobrado para manter as coisas assim, mas que se a economia não for rapidamente retomada, será difícil dar continuidade a essa fase.

Para auxiliar os micro e pequenos empresários a conseguirem crédito para darem seguimento a seus negócios, o ministro afirmou que, além da Lei 13.999/2020 que criou o Programa Nacional de Apoio às Microempresas e Empresas de Pequeno Porte (Pronampe), o governo também editará em breve uma medida provisória para retirar possíveis travas que ainda tenham sobrado no processo.

O Programa Pró-Brasil deverá entrar em vigor em 60 dias, sem a previsão de gastos de recursos públicos. “ O Pró-Brasil não prevê dinheiro. É uma ferramenta para priorizar os projetos existentes no governo com ênfase em projetos que possam atrair investimentos particulares e privados”, explicou Braga Netto. “Eu tenho sido procurado por diversos empresários, diversas entidades nacionais e internacionais, que querem botar dinheiro, mas têm insegurança de aplicar no país. O Pró- Brasil é um o programa de desenvolvimento, é o caminho da prosperidade.”

 

TAGS

1 Comentário

  1. O MONSTRO do coronavírus só satisfaz Criminosos Condenados que se utilizam dele para promover desordens, denúncias, prejuízo, insegurança, fome, sofrimento e instabilidade. Temos que empreender todos os esforços para combater este Mal.

    Responder

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Coronavírus

Assine a nossa news

Oeste Notícias