Segunda onda do coronavírus preocupa os Bálcãs - Revista Oeste

Em 8 jul 2020, 12:15

Segunda onda do coronavírus preocupa os Bálcãs

8 jul 2020, 12:15

Países do Bálcãs, como a Romênia e a Bulgária, estão sofrendo com uma segunda onda de contaminação pelo coronavírus

Bálcãs coronavírus

Bandeira da Romênia | Foto: Mircea Iancu/Pixabay

Após ter passado praticamente ilesa da pandemia do coronavírus, os países da região do Bálcãs, no sudeste da Europa, estão enfrentando uma segunda onda do coronavírus.

Esta é uma das regiões mais instáveis da Europa. Nos anos 90, a dissolução da Iugoslávia causou graves conflitos étnicos e uma crise humanitária na região.

Veja também: “Vida vai voltando ao normal na Espanha”

Países da região, como a Romênia, Bulgária e Moldávia estão vendo um aumento do números do coronavírus, informa a agência de notícias EFE. O temor é que isso cause uma grave crise social e sanitária.

Como reação, o governo da Áustria anunciou que vai reforçar o controle para a entrada de moradores dos países do Bálcãs. A Eslovênia, Eslováquia e a Hungria decidiram reforçar as suas fronteiras com países da península Balcânica.

 

TAGS

*O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Assine a nossa news

Coronavírus

Oeste Notícias