Coronavírus: CoronaVac não teve fase 3 de testagem na China

Resultados que permitiram a aprovação do governo chinês vieram de testes no Brasil e na Turquia
-Publicidade-
O governador do Estado de Paulo, João Doria, é o principal responsável pela inserção da CoronaVac no país
O governador do Estado de Paulo, João Doria, é o principal responsável pela inserção da CoronaVac no país | Foto: Reprodução/Redes Sociais

Na sábado 6, a CoronaVac recebeu a aprovação condicional de mercado emitida pela Administração Nacional de Produtos Médicos do governo da China (da sigla em inglês, NMPA). Porém, entre os chineses, o produto não passou pelos ensaios clínicos de fase 3. Segundo uma nota da Sinovac, a fabricante da vacina experimental contra a covid-19, os resultados desse tipo de testagem que viabilizaram a permissão para a comercialização para a população chinesa vieram de testes feitos no exterior — especificamente no Brasil e na Turquia.

Leia também: “A vacina e o vexame”, artigo publicado na edição 44 da Revista Oeste

De acordo com o China.org.cn, site oficial de notícias do governo chinês, os ensaios da fase três foram feitos em quatro países: Brasil, Turquia, Indonésia e Chile. Nestas nações, os testes envolveram 25 mil voluntários. Grande parte deles — 12.396 — eram brasileiros.

-Publicidade-

Na China, os estudos abrangeram apenas as fases um e dois. O imunizante teve seu uso emergencial aprovado para parcelas específicas da população. Entretanto, pouco mais de 2 mil chineses havia recebido doses da vacina até este domingo, 7.

Os ensaios de fase três da vacina chinesa no Brasil foram requisitados pelo Instituto Butantan à Agência Nacional de Vigilância Sanitária. O governador do Estado de Paulo, João Doria (PSDB), é o principal responsável pela inserção da CoronaVac no país.

-Publicidade-
Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.