Ucrânia e Rússia retomam negociações

Trata-se do quinto encontro
-Publicidade-
Imagem compartilhada por assessor presidencial ucraniano Mykhailo Podolyak para anunciar início de nova rodada de negociações - 14/03/2022 | Foto: Divulgação/Mykhailo Podolyak/Twitter
Imagem compartilhada por assessor presidencial ucraniano Mykhailo Podolyak para anunciar início de nova rodada de negociações - 14/03/2022 | Foto: Divulgação/Mykhailo Podolyak/Twitter

Depois de uma “pausa técnica”, diplomatas da Ucrânia e da Rússia se reuniram nesta terça-feira, 15, para retomar as discussões envolvendo o conflito entre os dois países. Trata-se da quinta rodada de conversas.

Segundo Mykhailo Podolyak, assessor e chefe do gabinete da Presidência da Ucrânia, os trabalhos foram retomados como combinado e há “uma discussão bastante dura entre as partes”, sem dar muitos detalhes.

Apesar dos encontros, um entendimento das partes sobre o fim do conflito ainda parece longe. Para Oleksiy Arestovich, conselheiro do chefe de gabinete do presidente ucraniano, afirmou que o conflito não deve passar de maio, quando acredita que a Rússia não terá mais recursos para manter seus ataques.

-Publicidade-

“Acho que, no mais tardar em maio, início de maio, devemos ter um acordo de paz entre Ucrânia e Rússia”, disse, em vídeo publicado nas redes sociais. “Talvez muito antes, veremos, estou falando das últimas datas possíveis.”

Sanções da União Europeia

Os países da União Europeia (UE) aprovaram hoje o quarto pacote de sanções econômicas contra a Rússia na tentativa de encerrar a invasão da Ucrânia. Trata-se de bloqueios contra investimentos no setor de energia, exportações de bens de luxo e importações de produtos siderúrgicos.

As novas sanções econômicas afetam as petrolíferas russas Rosneft, Transneft e Gazprom — membros da UE, contudo, poderão comprar petróleo e gás delas. A mais recente iniciativa da UE também amplia o número de oligarcas russos cujos bens serão bloqueados. Esses empresários apoiam Putin.

Leia também: “Devagar, malfeito e complicado”, artigo publicado na Edição 102 da Revista Oeste

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

3 comentários Ver comentários

  1. Por que o presidente da Rússia é Ucrânia não entram juntos na OTAN ? Então fica tudo igual e se este é o motivo da guerra, ela perde o sentido.

  2. Acho que quem se f*deu nessa guerra foi a colisão entre o cômico presidente da Ucrânia e o deputado brasileiro “Mamãe Falei”. Um por ser puxa saco de Biden e o outro por ser só tonto mesmo.

  3. Enquanto isso, seu Zé Lensky é aplaudido de pé no parlamento britânico, é aplaudido de pé no parlamento do Canadá e amanhã irá se dirigir ao congresso dos EUA. provavelmente também será aplaudido pela maioria dos congressistas e ainda enquanto isso, não combina com os russos e os pobres da Ucrânia, só levando bomba na cabeça, literalmente. Eu só digo uma coisa, esse sujeito, com essa conversa mole dele, está levando a Ucrânia à ruína, não diria nada, se houvesse a mínima chande de expulsarem esses russos do país, só que não.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.