O ministro da Justiça da Rússia, Konstantin Chuychenko, afirmou que devem ser suspensos todos os casamentos e divórcios no país até o dia 1° de junho.