Covid-19: Anvisa recebe pedido de uso emergencial de remédio que pode reduzir mortes em 37%

Medicamento é desenvolvido pela Pfizer
-Publicidade-
Pfizer estuda remédio em parceria com o Hospital Albert Einstein
Pfizer estuda remédio em parceria com o Hospital Albert Einstein

Na quarta-feira 28, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária recebeu o pedido de uso emergencial do medicamento Tofacitinibe. Usado no tratamento de artrite reumatoide, artrite psoriática e colite ulcerosa, o remédio da farmacêutica Pfizer pode combater o coronavírus.

Conforme os mais recentes estudos da fabricante em parceria com o Hospital Albert Einstein, a droga tem capacidade de reduzir em 37% o risco de morte ou de insuficiência respiratória em pacientes com pneumonia decorrente da covid-19. O Tofacitinibe também impede a tempestade inflamatória nos órgãos.

Leia também: “A solução que venceu a ideologia”, reportagem publicada na Edição 3 da Revista Oeste

-Publicidade-
Telegram
-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

6 comentários

  1. Este é o grande motivo pelo qual não se emplacou e demonizou hidroxicloroquina, ivermectina e zinco no tratamento pré-hospitalar: viabilizar que a indústria farmacêutica fature bilhões com estas medicações caríssimas de uso hospitalar, que sequer são superiores a hidroxi e ivermectina. Tudo pelo dinheiro, nada pela vida das pessoas.

  2. Dr. Zanotto fez essa previsão há quase 6 meses, prenunciando que ao tratamento da Covid iriam ser incorporadas moléculas (não se pode falar nomes), pois a vacina não renderia imunização o suficiente.
    #drzanotto

  3. Por que o Ministério da Ciência e Tecnologia fez estudo com a nitazoxanida, com resultado muito bom e outros estudos bem positivos, e não está aprovado pela Anvisa para tratar a covid-19? Só consigo imaginar um grande lobby da indústria farmacêutica boicotando qualquer medicamento que não lhes interesse financeiramente.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Meios de pagamento
Site seguro