Facebook diminuirá exibição de conteúdo político em mais países

Costa Rica, Suécia, Espanha e Irlanda entram para a lista de países com a redução
-Publicidade-
Foto: Reprodução/Pexels
Foto: Reprodução/Pexels

Na terça-feira 31 de agosto, o Facebook decidiu aumentar o número de países onde a rede social diminuirá a exibição de conteúdo político aos usuários. Entraram para a lista Costa Rica, Suécia, Espanha e Irlanda. Em fevereiro, a companhia começou a aplicar a medida a pequenos grupos no Brasil, nos Estados Unidos, no Canadá e na Indonésia.

Leia também: “Facebook vai censurar ‘fake news’ sobre covid e vacinas”

A empresa ainda não informou sua definição de “conteúdo político”. No entanto, quando os testes para a implantação da redução tiveram início, ela afirmou que as publicações de agências e serviços oficiais dos governos não seriam afetadas.

-Publicidade-

A plataforma diminuirá a ênfase de critérios como a probabilidade de usuários comentarem ou compartilharem em publicações sobre política.

O Facebook reconhece que as mudanças podem afetar conteúdos de interesse político de forma mais ampla e o alcance de posts de páginas de notícias.

“Sabendo disso, estamos planejando uma implementação gradual e metódica desses testes, mas continuamos encorajados e esperamos anunciar novas expansões nos próximos meses”, disse Aastha Gupta, diretora de gerenciamento de produtos do Facebook.

Telegram
-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

3 comentários

  1. Sabem oque isso indica ? Que eles só irão colocar no site deles oque eles acharem que devem . Acho que o governo deveria banir esse site de nosso Pais pois quando uma pessoa quer colocar regras aonde ela que decide oque fazer ai fica claro qual o interesse deles .

  2. Quem pensava que o Norte Europeu e outros países eram exemplos de democracia avançada está precisando repensar seus conceitos… Certas recentes condutas de governo e de aceitação da ditadura do pensamento através dos meios midiáticos mostram que caminhamos para um autoritarismo global. Resta saber se alguma reação corresponderá a uma ação de tamanha envergadura. Veremos se a Física funciona na vida real.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Meios de pagamento
Site seguro