Hyundai conclui aquisição da Boston Dynamics, especialista em robótica

Grupo sul-coreano agora detém 80% das ações da companhia
-Publicidade-
Um encontro entre os robôs Atlas (humanoide), Spot (cachorro) e veículo Hyundai celebra a compra da Boston Dynamics pelo Hyundai Motor Group
Um encontro entre os robôs Atlas (humanoide), Spot (cachorro) e veículo Hyundai celebra a compra da Boston Dynamics pelo Hyundai Motor Group | Foto: Divulgação

O Hyundai Motor Group, dono das fabricantes de automóveis Hyundai Motor Company e Kia Motors, entre outras companhias, concluiu nesta segunda-feira 21, a aquisição da empresa de robótica Boston Dynamics, em um negócio avaliado em US$ 1,1 bilhão. Com o fechamento do negócio, que havia sido anunciado em dezembro de 2020, o grupo Hyundai passa a deter 80% das ações da Boston Dynamics e a antigo dona, a holding japonesa SoftBank, mantém os 20% restantes.

A Boston Dynamics desenvolve robôs ágeis, que têm sido integrados, com sucesso, às operações de muitas das principais empresas industriais do mundo, afirma uma reportagem da revista IstoÉ Dinheiro (leia mais abaixo). De acordo com o comunicado sobre a aquisição, a robótica avançada oferece oportunidades de crescimento rápido com potencial para impactar positivamente a sociedade, tornando o trabalho mais seguro e mais produtivo.

Segundo a nota, o acordo deve permitir que “o grupo e a Boston Dynamics aproveitem os respectivos pontos fortes um do outro em manufatura, logística, construção e automação. Juntas, as empresas criarão uma cadeia de valor da robótica, desde a fabricação de componentes de robôs até soluções de logística inteligentes. Além disso, o grupo vai apoiar a contínua expansão da Boston Dynamics em produtos e vendas globais”.

-Publicidade-

“Nós e a Hyundai compartilhamos uma visão do poder transformador da mobilidade e esperamos trabalhar juntos para acelerar nossos planos de viabilizar o mundo com automação de ponta, e continuar a resolver os desafios robóticos mais difíceis do mundo para nossos clientes”, afirmou o CEO da Boston Dynamics, Rob Playter, quando o negócio foi anunciado.

A Boston Dynamics

Segundo o site Ars Technica, a Boston Dynamics foi criada em 1992, no MIT (Massachusetts Institute of Technology) e sobreviveu muitos anos com bolsas de pesquisa da Darpa (Agência de Projetos Avançados de Defesa). Em 2013, a empresa foi adquirida pelo Google, como parte dos interesses de Andy Rubin, co-fundador do Android, por robótica. Com a saída do executivo, um ano depois, o Google também perdeu o interesse, diz o site. A empresa acabou vendida para a holding japonesa Softbank, em 2017. Em dezembro de 2020, foi comprada pelo Hyundai Motor Group.

Produtos

A Boston Dynamics possui três produtos comerciais, o cachorro-robô Spot, lançado em 2020 e vendido por cerca de US$ 74.500, a clientes como a SpaceX; o Pick, um software para braços robóticos; e o robô Stretch, versão atualizada de seu antigo robô Handle, para operações em depósitos.

Já Atlas, segundo a empresa, é o robô humanoide mais dinâmico do mundo, sendo capaz de dançar rock, realizar rotinas de ginástica artística e até movimentos de parkour, um tipo de atividade física que consiste em superar obstáculos. Assista aos vídeos abaixo:

Dança

Ginástica artística

Parkour

Leia também: “Hyundai apresenta seu 1º carro 100% elétrico”

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.