Musk oferece mais de US$ 40 bilhões por todas as ações do Twitter

Bilionário critica censura da big tech e propõe mais liberdade de expressão na plataforma
-Publicidade-
Elon Musk dá cartada por controle total da rede social
Elon Musk dá cartada por controle total da rede social | Foto: Naresh111/Shutterstock

Um dia depois de ser acusado de infrações no processo de aquisição de ações do Twitter, Elon Musk formalizou uma oferta para ter controle total da companhia. Em documento enviado à direção da companhia, o empresário por trás dos negócios da Tesla e da SpaceX ofereceu mais de US$ 40 bilhões por 100% da rede social.

Musk fez oferta de US$ 54 por ação, cifra que representa valorização de 38% em relação ao preço de fechamento em 1º de abril, o último dia de negociação antes do anúncio do investimento do CEO da Tesla na companhia. O bilionário comprou fatia acionária de 9% e se tornou o maior acionista do grupo.

“Investi no Twitter porque acredito em seu potencial para ser a plataforma para a liberdade de expressão em todo o mundo, e acredito que a liberdade de expressão é um imperativo social para uma democracia em funcionamento”, escreveu Musk, no comunicado enviado na quarta-feira 13.

-Publicidade-

“No entanto, desde que fiz meu investimento, percebo que a empresa não prosperará nem vai atender a esse imperativo em sua forma atual”, observou Musk. “O Twitter precisa ser transformado em uma empresa privada. Esta é a minha melhor oferta e é a oferta final, e, se não for aceita, precisarei reconsiderar minha posição como acionista. O Twitter tem um potencial extraordinário. Vou desbloquear isso.”

Segundo a revista Forbes, a fortuna de Elon Musk está estimada em US$ 220 bilhões, valor que faz do empresário a pessoa mais rica do mundo.

Acionistas processam Musk

Um grupo de acionistas do Twitter está processando Elon Musk por supostas infrações no processo de aquisição de ações da companhia. O processo foi aberto em Nova Iorque na terça-feira 12.

O CEO da Tesla anunciou em 4 de abril que havia comprado cerca de 9% das ações do Twitter, mas não teria obedecido à legislação sobre o trâmite de negociação. As leis federais determinam que os investidores devem informar a Comissão de Segurança e Câmbio num prazo de dez dias quando adquirirem mais de 5% de participação em uma empresa.

Musk começou a comprar ações do Twitter em janeiro e teria ultrapassado o patamar previsto em lei em 14 de março.

Segundo a denúncia de acionistas, representados pelo escritório de advocacia Block & Leviton, Musk teria comprado participação com preço deflacionado, no período entre ultrapassar a cota de 5% e o anúncio da aquisição. Isso porque as ações do Twitter dispararam nas bolsas norte-americanas depois de o magnata tornar público o investimento.

Especialistas jurídicos ouvidos pelo jornal The Washington Post avaliaram que o atraso do anúncio pode ter feito Musk economizar cerca de US$ 156 milhões.

Depois do anúncio da compra, que tornou Musk o principal acionista do Twitter, o empresário externou o desejo de participar do conselho da companhia. No entanto, dias depois o investidor mudou de ideia.

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

8 comentários Ver comentários

  1. Apesar de achar o preço dos Tesla absurdamente caros , mesmo para o americano de classe média, espero que esse negócio se concretize. É chegada a hora de um basta a esse maconheiro imbecil que é o Jack Dorsey.

  2. MENTIRA!!
    PAPO FURADO…SÓ JOGO DE CENA….
    Ele sabe que alguns não vão querer vender…
    Tudo golpe de midia…
    MAS TÁ VALENDO…melhor do quê nada.
    FORA CANALHAS Twitter

  3. Nós, defensores da liberdade de expressão, estamos torcendo para que o negócio se realize e que o desejo de Elon Musk seja, verdadeiramente, defender a democracia.

  4. Penso, dado que não conheço bem os conceitos, concepções e posições de Elon Musk diante da liberdade de expressão inclusive, que possa ser uma luz no final do túnel. Um possível braço forte que poderá nos dar um oxigênio neste momento de inúmeras tentativas absurdas de asfixia às liberdades de opiniões !!

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.