Três capitais vão receber a rede 5G a partir de sexta-feira

O sinal da internet de alta velocidade será ativado em Belo Horizonte, João Pessoa e Porto Alegre
-Publicidade-
Todas as capitais do país devem contar com a tecnologia até o fim de setembro
Todas as capitais do país devem contar com a tecnologia até o fim de setembro | Foto: Divulgação

A partir de sexta-feira 29, a rede 5G de alta velocidade será liberada em Belo Horizonte (Minas Gerais), João Pessoa (Paraíba) e Porto Alegre (Rio Grande do Sul). O Grupo de Acompanhamento da Implantação (Gaispi) aprovou, na quarta-feira 27, o uso da tecnologia nessas três cidades.

Segundo a Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), as próximas capitais a receberem 5G serão São Paulo, Rio de Janeiro, Curitiba, Goiânia e Salvador, mas ainda não há qualquer sinalização da equipe técnica sobre a data de liberação da rede. Hoje, só Brasília conta com a operação 5G no padrão standalone — versão mais sofisticada da tecnologia, que oferece a maior velocidade e menor latência (tempo de resposta).

Pelo edital do leilão do 5G, realizado em novembro do ano passado, todas as capitais do país devem contar com a tecnologia até o fim de setembro. Inicialmente, o prazo era até 31 de julho, mas, devido a dificuldades logísticas para importação de equipamentos, foi estendido em 60 dias.

-Publicidade-

As prestadoras de telefonia móvel devem instalar, no mínimo, uma antena de tecnologia de quinta geração para cada 100 mil habitantes nas capitais brasileiras. As regras definidas pela Anatel determinam o adensamento da cobertura de 5G em 3,5 GHz nas capitais até julho de 2025, devendo a nova tecnologia estar presente em todos os municípios até 2029.

Viagem aos EUA

O ministro das Comunicações, Fábio Faria, disse na quarta-feira 27 que vai para a Califórnia, nos EUA, pedir para que a Apple atualize seus smartphones. “Hoje, o iPhone só está apto a ter 5G não-standalone“, disse Faria. “Para ter standalone que funciona com internet das coisas precisa baixar atualização. As operadoras já estão conversando com a Apple.”

O ministro afirmou que a ideia é ter essas atualizações disponíveis pela Apple e demais fabricantes — Motorola e Samsung — até o final de setembro, prazo máximo para que as antenas 5G estejam funcionando em todas as capitais do país.

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 23,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.