Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul é alvo de ataque cibernético

Instituição informa que ‘estão sendo adotadas todas medidas possíveis’ para o restabelecimento da normalidade
-Publicidade-
Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul foi alvo de <i>hackers</i>
Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul foi alvo de hackers | Foto: Reprodução/Unsplash

O Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul informou nesta quinta-feira, 29, que enfrenta instabilidade nos sistemas de informática devido a ataque cibernético. A Polícia Civil investiga o caso. Por causa dos problemas, o presidente do tribunal, desembargador Voltaire de Lima Moraes, publicou decisão em que suspende os prazos processuais e administrativos.

Em comunicado, o Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul informa que “estão sendo adotadas todas as medidas possíveis para o breve restabelecimento da normalidade, bem como para a identificação das causas e dos autores do ato criminoso”. A corte não informou um prazo para retomada total do serviço.

Leia também: “O desastre dos megavazamentos de dados”, reportagem de Cristyan Costa publicada na Edição 48 da Revista Oeste

-Publicidade-
-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.