TikTok vai à Justiça contra governo dos EUA - Revista Oeste

Edição da semana

Em 19 set 2020, 21:15

TikTok vai à Justiça contra governo dos EUA

19 set 2020, 21:15

China ameaça retaliar após proibição do aplicativo nos Estados Unidos

tiktok

Ilustração | Foto: Pixabay

O Departamento de Comércio dos Estados Unidos anunciou nesta sexta-feira 18 que vai proibir o download dos aplicativos chineses WeChat e TikTok a partir de amanhã, domingo 20. Em resposta ao bloqueio do governo norte-americano, o TikTok, subsidiária da empresa chinesa ByteDance, pediu à Justiça dos EUA que revogue a decisão.

Segundo a empresa, o presidente Donald Trump excedeu seu poder de autoridade ao banir o aplicativo e afirmou que a decisão ocorreu por razões políticas. Ainda, o TikTok alega que a proibição viola direitos constitucionais à liberdade de expressão.

Retaliação chinesa

Em nota, o Ministério do Comércio chinês informa que “a China incentiva os EUA a abandonar seus atos repreensíveis e suas intimidações e a respeitar escrupulosamente as regras internacionais, justas e transparentes”. “Se os EUA insistirem em seguir seu próprio caminho, a China tomará as medidas necessárias para preservar firmemente os direitos e interesses legítimos das empresas chinesas.”

TAGS

*O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Assine a nossa newsletter

Colunistas

Vacinação sem vacina

Falar em obrigar a população inteira a se vacinar — com uma vacina que não existe — significa o quê? Um negócio da China?

Supremas diferenças

Ao compararmos o STF à Suprema Corte dos Estados Unidos, o choque é violento

A coerção e o coronavírus

A necessidade de restrições ocasionais não deve abalar os fundamentos do verdadeiro liberalismo, sustentado no “inovismo” e no “adultismo”

Uma nova doença: o vício em desculpas

Poucas figuras públicas têm a força de caráter para se recusar a pedir desculpas aos identitaristas, que gostam de desempenhar o papel de vítimas permanentes

Você não pode perder

O pai, o filho e o deboche

O pai, o filho e o deboche

A ideia geral de que não se deve praticar certas coisas em público, porque “pega mal”, parece caminhar rapidamente...

A VOZ DAS REDES

Uma seleção de tuítes que nos permitem um olhar instigante do mundo, ajudam a pensar e divertem o espírito

LEIA MAIS

Oeste Notícias

R$ 19,90 por mês