-Publicidade-

Satélite 100% brasileiro vai entrar em órbita

Um dos propósitos do Amazonia-1 será ajudar no combate ao desmatamento
Amazonia-1 foi produzido por equipe brasileira
Amazonia-1 foi produzido por equipe brasileira | Foto: Divulgação/Inpe

O Amazonia-1, primeiro satélite de observação da Terra 100% projetado, integrado e testado pelo Brasil, tem dia e hora para ser lançado. Será em 28 de fevereiro, à 1h54 (no horário de Brasília).

Leia mais: “Robô da Nasa pousa em Marte em busca de sinais de vida”

Apesar de ser divulgado como integralmente brasileiro, seu lançamento ocorrerá em outro país: na Índia, nas dependências da Indian Space Research Organisatio.

Segundo informações da Agência Brasil, o Amazonia-1 não tem esse nome por acaso. O satélite integrará a chamada Missão Amazônia, que tem por finalidade “fornecer dados de sensoriamento remoto para observar e monitorar o desmatamento, especialmente na região amazônica”. Uma vez em órbita, o objeto também servirá para auxiliar, com monitoramento de imagens, a agricultura brasileira.

Especificações

O Amazonia-1 conta com 6 quilômetros de fios e 14 mil conexões elétricas. O satélite conseguirá gerar imagens do planeta Terra a cada cinco dias. Além do foco sobre a região amazônica, o Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe) informou que poderá contar com registros de outras localidades do país, como a região costeira e reservatórios de água.

“Para usuários interessados em uma melhor compreensão do ambiente terrestre”

Os conteúdos a serem fornecidos pelo Amazonia-1 não ficarão restritos a agentes do governo, avisa a equipe do Inpe. “Os dados estarão disponíveis tanto para comunidade científica e órgãos governamentais quanto para usuários interessados em uma melhor compreensão do ambiente terrestre”, afirma o instituto.

Leia também: “Um drinque na Lua”, artigo do colunista Dagomir Marquezi publicado na edição 33 da Revista Oeste.

* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.
-Publicidade-
Exclusivo para assinantes.
R$ 19,90 por mês