Consumo de etanol atinge o menor nível em 5 anos

A produção do combustível também diminuiu
-Publicidade-
O Sudeste detém a maior parte da produção de etanol do país
O Sudeste detém a maior parte da produção de etanol do país | Foto: Marcello Casal Jr./Agência Brasil

O consumo de etanol hidratado em 2021 foi o menor desde 2016, de acordo com os dados da Agência Nacional de Petróleo (ANP).

No ano passado, o uso do etanol ficou em 16,8 bilhões de litros. Desse modo, houve queda de quase 13% em relação a 2021. O combustível é utilizado como substituto da gasolina para movimentar veículos.

-Publicidade-

O pior resultado ocorreu no mês de novembro: 1,02 bilhões de litros consumidos. Em dezembro, a quantidade utilizada ficou em 1,27 bilhões de litros.

No Estado de São Paulo houve a maior queda: consumo de 8,5 bilhões de litros no ano (-16,4%). Minas Gerais aparece na segunda posição desse ranking (2,3 bilhões de litros, -14,6%), seguida do Paraná (1 bilhão de litros, -23,9%).

Algumas localidades com o uso menos comum deste combustível aumentaram a cota utilizada. O Mato Grosso teve melhor resultado entre elas: crescimento de 22,7%, elevando o mercado para cerca de 179 milhões de litros. Outros exemplos figuram nessa lista: Alagoas, Maranhão, Piauí, Rio Grande do Norte, Amazonas, Acre, Pará, Rondônia, Roraima, Espírito Santo e Rio de Janeiro. Ainda assim, os resultados não conseguiram reverter a queda nacional.

Redução na produção de etanol

Os dados da ANP também apontam para a queda na produção do etanol no Brasil. Em 2021, as usinas do país geraram 18,6 bilhões de litros, 17,3% menos que os 22,5 bilhões de litros de 2020.

A região Sudeste segue como a maior produtora desse combustível no Brasil (44,9%). Na segunda posição aparece o Centro-Oeste (35,6%), seguido de Nordeste (5,1%), Sul (3,4%) e Norte (0,7%).

 

-Publicidade-
Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.