IBGE estima safra recorde de grãos em 2022

Mais de 270 milhões de toneladas de sementes devem ser produzidas no país
-Publicidade-
A produção de grãos será impulsionada pelo milho
A produção de grãos será impulsionada pelo milho | Foto: Arquivo/Agência Brasil

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) divulgou nesta quinta-feira, 11, a primeira estimativa para a safra agrícola de 2022. De acordo com a instituição, mais de 270 milhões de toneladas de grãos, cereais e leguminosas serão produzidos no país.

Se os dados do Levantamento Sistemático da Produção Agrícola (LSPA) forem confirmados, será um recorde da série histórica, iniciada em 1975, com um aumento de 7,8% em relação às estimativas deste ano — o que representa 19,5 milhões de toneladas a mais.

A expectativa do IBGE é que a produção seja impulsionada pelo milho, rompendo com a safra negativa registrada neste ano por causa do atraso do plantio da segunda safra e da falta de chuvas nos Estados produtores. Para 2022, a previsão é de alta de 11,1% na primeira safra, com 2,8 milhões de toneladas, e de 26,8% para a segunda safra (16,2 milhões de toneladas).

-Publicidade-

Leia mais: Cortina de Fumaça, da Brasil Paralelo, derruba narrativa de que país é ‘vilão’ do clima”

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.