52,7% dos policiais se sentem mal em autuar comércios abertos durante restrições

É o que mostra pesquisa do Fórum Brasileiro de Segurança Pública
-Publicidade-
Os dados se referem ao ano passado, quando a covid-19 desembarcou no país
Os dados se referem ao ano passado, quando a covid-19 desembarcou no país | Foto: Divulgação/Governo do Estado de SP

Governadores e prefeitos optaram pelo fechamento da economia para tentar frear o avanço da pandemia de coronavírus. Para assegurar que seus decretos vigorassem, puseram a polícia para autuar comerciantes que abriram mesmo durante o isolamento social. Contudo, a maioria dos agentes se sente desconfortável em punir os trabalhadores.

É o que garante pesquisa do Fórum Brasileiro de Segurança Pública, divulgada nesta quinta-feira, 15. Conforme o estudo, 52,7% não gostam da prática. Já para realizar operações contra festas clandestinas, 43,5% disseram que se sentem confortáveis. Os dados se referem ao ano passado, quando a covid-19 desembarcou no país.

Leia tambem: “O fracasso do lockdown”, reportagem publicada na Edição 45 da Revista Oeste

-Publicidade-
Telegram
-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

1 comentário

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Payment methods
Security site
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Payment methods
Security site