Anvisa amplia validade da vacina da Pfizer

50 milhões de doses do imunizante estão nos estoques
-Publicidade-
Comirnaty é o nome da vacina da Pfizer
Comirnaty é o nome da vacina da Pfizer | Foto: Reprodução/Unsplash

A vacina da Pfizer contra a covid-19 passou a ter prazo de validade de 12 meses no Brasil. A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) determinou a mudança na quarta-feira 27.

O colegiado do órgão tomou a decisão por unanimidade. “A aprovação permite ainda que a empresa continue a importar lotes da vacina Comirnaty que estejam com prazo de validade inferior a 12 meses impresso na embalagem e aplique o prazo de validade de 12 meses aprovado pela Anvisa”, afirmou. De acordo com a pasta, a medida vale para produtos de uso adulto e pediátrico.

Doses da Vacina da Pfizer no estoque

-Publicidade-

Dados da Saúde mostram que o governo federal já recebeu 222 milhões de doses da vacina da Pfizer. Delas, 170 milhões haviam sido aplicadas até a manhã desta sexta-feira, 29, conforme os dados da pasta. Ou seja: cerca de 50 milhões estão nos estoques — a menor parte, 14 milhões, ainda não foi repassada às Unidades da Federação (UF).

Segundo os dados do Ministério da Saúde, das doses do produto da Pfizer que chegaram ao Brasil, 208 milhões foram repassados às UFs.

Além disso, o Brasil tem 77 milhões de doses contratadas da vacina da Pfizer que ainda não foram entregues ao país.

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.