‘Coronavoucher’ poderá ser pago por outros bancos

Ministério da Cidadania estuda inserir os demais bancos, no intuito de diminuir a sobrecarga no sistema da Caixa
-Publicidade-
ADAILTON DAMASCENO/ESTADÃO CONTEÚDO
ADAILTON DAMASCENO/ESTADÃO CONTEÚDO

Ministério da Cidadania estuda inserir os demais bancos, no intuito de diminuir a sobrecarga no sistema da Caixa

O governo federal estuda inserir outros bancos (públicos e privados) no sistema de pagamento do auxílio emergencial de R$ 600 — apelidado de “coronavoucher”. Até o momento, o benefício vem sendo controlado pela Caixa Econômica Federal, e isso acarretou sobrecarga nos programas do banco.

-Publicidade-

Nesta semana, beneficiários do programa que tiveram a poupança social aberta passaram a sacar o valor em espécie, o que gerou filas nas agências da Caixa. A ideia é que os demais bancos também passem a realizar o pagamento. Com isso, diminuiria a aglomeração de pessoas.

A confirmação da entrada dos novos bancos no programa deverá ser anunciada nos próximos dias pelo Ministério da Cidadania. A pasta ainda está definindo qual será o calendário de pagamentos da segunda parcela do benefício.

 

* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

1 comentário

  1. BRASILEIRO – O POVO QUE NAO DEU CERTO!!
    Auxílio Emergencial | Depoimento de uma Funcionária da CAIXA
    “Sou funcionária da CAIXA e vou explicar o porquê da demora pra receber o auxílio e, não adianta culpar o banco, a Datamec ou o Governo:
    Para vocês terem noção a CAIXA recebeu cerca de 170 milhões de cadastros, isso e ridículo! ?
    “Foi informado que quem trabalha de carteira assinada não teria direito ao auxílio, mas foram lá e fizeram cadastro.
    Avisaram que quem recebe pensão ou aposentadoria também não teria direito, mas foram lá e fizeram cadastro.
    Menores de idade também divulgaram que não teriam direito, fizeram cadastro.
    Pessoas recebendo auxílio desemprego não teriam direito, mas foram lá e fizeram cadastro.
    Mulher de licença maternidade, portanto de carteira assinada, foram lá e fizeram cadastro.
    Mulher casada dizendo ser mãe solteira pra ganhar 1200, fizeram cadastro.
    É muita gente sem um pingo de empatia com quem realmente precisa querendo tirar proveito da situação e ganhar um dinheirinho a mais pra torrar à toa. (VAI QUE COLA NÉ, BACANA?)
    O Governo identificou cerca de 76 mil PRESIDIÁRIOS que tentaram receber o auxílio emergencial para trabalhadores informais.
    magina o trabalho que o Governo está tendo para analisar cadastro por cadastro e direcionar esse auxílio a quem realmente precisa e já tá passando fome.
    Portanto, se tá demorando, a culpa NÃO é do Governo ou da Caixa, a culpa é do brasileiro que aprendeu a ser corrupto, que acha normal tirar vantagem em cima da desgraça alheia.
    Nos resta esperar o tempo de análise.”

Envie um comentário

-Publicidade-
Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Payment methods
Security site
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Payment methods
Security site