Covid-19: Governo do Amazonas volta a fechar comércios e ‘shoppings’

Medida visa à diminuição de casos de covid-19
-Publicidade-
O governador do Amazonas, Wilson Lima | Foto: DIEGO PERES/SECOM/AMAZONAS
O governador do Amazonas, Wilson Lima | Foto: DIEGO PERES/SECOM/AMAZONAS | O governador do Amazonas, Wilson Lima | Foto: DIEGO PERES/SECOM/AMAZONAS

Medida visa à diminuição de casos de covid-19

covidão do amazonas
O governador do Amazonas, Wilson Lima, determinou fechamento de serviços não essenciais | Foto: Diego Peres/Secom/Amazonas

O governo do Amazonas anunciou que eventos e serviços não essenciais estão proibidos em todo o Estado a partir de sábado 26. A medida, que vale até 10 de janeiro de 2021, visa à diminuição de casos de contaminação de covid-19.

-Publicidade-

Até terça-feira 22, mais de 5 mil pessoas morreram por complicações da doença no Amazonas, e mais de 193 mil foram infectadas. O número de pessoas internadas, atualmente, passa de 500.

Serão proibidos: eventos em geral; reuniões comemorativas; casamentos; formaturas; abertura de espaços públicos.

Poderão funcionar apenas por drive-thru e delivery — até 21 horas: shoppings; restaurantes; comércio não essencial.

O governador Wilson Lima afirmou que os eventos clandestinos de fim de ano devem ser fechados, e os equipamentos de som e iluminação, assim como bebidas, devem ser recolhidos pela polícia.

“O aumento [de casos de covid-19] tem relação com eventos que geram e geraram aglomerações. As eleições tiveram participação significativa nesse processo, e agora estamos colhendo os frutos disso. Também temos as festas clandestinas que têm acontecido com muita frequência em Manaus.”

Leia também: “Opinião: Doria, #FiqueEmCasa”

Telegram
-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

1 comentário

  1. Fechar tudo nunca funcionou aqui, quem tá doente aqui são as pessoas que estavam literalmente trancadas, que saíram e se contaminaram.
    Os ônibus e terminais aqui estão lotados todos os dias.
    Usar máscara não resolve.

    Francisco de Manaus/ Am

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Meios de pagamento
Site seguro