Escolas que fecharam por menos tempo não tiveram grande déficit de aprendizagem

A informação consta em estudo da consultoria Vozes da Educação
-Publicidade-
O Brasil é o segundo país com mais tempo de escolas fechadas
O Brasil é o segundo país com mais tempo de escolas fechadas | Foto: Alex de Jesus/Estadão Conteúdo

Alunos de escolas de países que suspenderam as aulas presenciais por menos tempo não tiveram muitas perdas de aprendizagem. É o que mostrou um estudo feito pela consultoria Vozes da Educação, a pedido da Fundação Lemann, informou nesta sexta-feira, 11, o jornal O Estado de S. Paulo. A maioria das 23 nações analisadas manteve testes nacionais em 2021 para verificar o que aprenderam seus estudantes durante a epidemia de coronavírus.

O Brasil é o segundo país com mais tempo de escolas fechadas, conforme a Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura. De acordo com estudos iniciais aos quais o jornal teve acesso, o Brasil tem mostrado um déficit gigantesco no desenvolvimento dos alunos durante o isolamento, com resultados que comprometem uma geração. Por ora, Estados e municípios ainda patinam quando o assunto é a volta às aulas presenciais.

-Publicidade-

Leia também: “O fracasso do lockdown”, reportagem publicada na Edição 45 da Revista Oeste

Telegram
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

3 comments

  1. A grama é verde o céu azul… E ainda fazem “”consultoria”” para informar o óbvio! 🤦🏻‍♂️🤦🏻‍♂️🤦🏻‍♂️

Envie um comentário

-Publicidade-
Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Payment methods
Security site
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Payment methods
Security site