Matéria-prima para 5 milhões de doses da CoronaVac chega a SP

Insumos serão processados no Instituto Butantan imediatamente, segundo o governador do Estado, João Doria
-Publicidade-
Insumos para a produção da CoronaVac chegaram a São Paulo nesta terça-feira
Insumos para a produção da CoronaVac chegaram a São Paulo nesta terça-feira | Foto: Willian Moreira/Futura Press/Estadão Conteúdo

Um lote com 3.000 litros de insumos para a produção da CoronaVac, imunizante contra a covid-19 produzido pela farmacêutica chinesa Sinovac, chegou na tarde desta terça-feira, 25, ao Aeroporto Internacional de Guarulhos, em São Paulo. De acordo com o Instituto Butantan, o carregamento de ingrediente farmacêutico ativo (IFA) vindo da China será suficiente para a produção de 5 milhões de doses da vacina.

“Os insumos que chegam agora serão processados no Instituto Butantan imediatamente”, afirmou o governador do Estado de São Paulo, João Doria, durante coletiva de imprensa realizada no aeroporto. “Eles serão transportados hoje ao Butantan e, nesta madrugada, começaremos a produzir esses 5 milhões de doses de vacinas contra a covid-19″, acrescentou o chefe do Executivo estadual.

Leia também: “O escândalo do passaporte sanitário”, artigo de Guilherme Fiuza publicado na Edição 58 da Revista Oeste

-Publicidade-
Telegram
-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Meios de pagamento
Site seguro