Sindicatos acionam Justiça contra volta às aulas

Entidades pediram liminar para suspender atividades presenciais no Estado de São Paulo, que serão retomadas a partir da terça-feira 8
-Publicidade-
Sindicatos| Foto: ROVENA ROSA/AGÊNCIA BRASIL
Sindicatos| Foto: ROVENA ROSA/AGÊNCIA BRASIL

Entidades pediram liminar para suspender atividades presenciais no Estado de São Paulo, que serão retomadas a partir da terça-feira 8

sindicatos
Ação civil pública é de autoria do Sindicato dos Professores do Ensino Oficial do Estado de SP | Foto: ROVENA ROSA/AGÊNCIA BRASIL
-Publicidade-

Contra a volta às aulas presenciais no Estado de São Paulo, quatro sindicatos movem uma ação na Justiça para barrar a flexibilização que começa a valer na terça-feira 8. De acordo com o documento, as entidades se opõem à decisão do governo “até que haja certeza quanto ao resguardo da saúde de todos os envolvidos (professores, estudantes, funcionários e as famílias, que podem ser afetadas pelo retorno às escolas)”. A ação também interpela a recente Resolução SEDUC 61/2020, que define normas para a retomada do ensino em sala de aula. O processo pede uma liminar que cancele qualquer programação presencial.

Leia também: “2,9 milhões cancelam adesão e sindicatos perdem força”

Além disso, requer que todas as escolas públicas (estaduais, municipais e federais) e privadas sejam mantidas fechadas, mantendo apenas atividades de ensino remoto. Os sindicatos, ainda, pedem que não se possa exigir ou estimular o comparecimento dos profissionais da educação, nas redes pública e privada, a atividades presenciais nesse período. A ação civil pública é de autoria do Sindicato dos Professores do Ensino Oficial do Estado de SP. Também assinam o Centro do Professorado Paulista, o Sindicato dos Funcionários e Servidores da Educação do Estado de SP e a Federação dos Professores do Estado de SP.

Telegram
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

2 comments

Envie um comentário

-Publicidade-
Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Payment methods
Security site
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Payment methods
Security site