-Publicidade-

Brasil rebate China sobre frango com coronavírus

Ministério da Agricultura informa que ainda não foi comprovada a transmissão do patógeno a partir de alimentos ou embalagens de alimentos congelados
A ministra da Agricultura, Tereza Cristina | Foto: MARCELO CAMARGO/AGÊNCIA BRASIL
A ministra da Agricultura, Tereza Cristina | Foto: MARCELO CAMARGO/AGÊNCIA BRASIL | A ministra da Agricultura, Tereza Cristina | Foto: MARCELO CAMARGO/AGÊNCIA BRASIL

Ministério da Agricultura informa que ainda não foi comprovada a transmissão do patógeno a partir de alimentos ou embalagens de alimentos congelados

tereza cristina
A ministra da Agricultura, Tereza Cristina | Foto: MARCELO CAMARGO/AGÊNCIA BRASIL

O Ministério da Agricultura (MAPA) garante que não foi notificado oficialmente pela China acerca da suposta detecção do coronavírus em uma asa de frango importada do Brasil. Conforme a pasta, o governo federal procurou as autoridades chinesas na quarta-feira 12, mas ainda não recebeu esclarecimentos. “Solicitamos informações oficiais que esclareçam as circunstâncias da suposta contaminação”, informa o MAPA em nota. Além disso, segundo o ministério, testes em amostras do mesmo lote testaram negativo para o vírus chinês.

Leia também:‘Há interessados em vilanizar a agropecuária brasileira’, garante Tereza Cristina

“Ressaltamos que, segundo a Organização das Nações Unidas para a Agricultura e a Alimentação e a Organização Mundial da Saúde, não há comprovação científica de transmissão do coronavírus a partir de alimentos ou embalagens de alimentos congelados”, conclui o MAPA no comunicado emitido ontem. Conforme noticiou Oeste, o governo chinês alega que identificou a presença do patógeno na superfície de uma asa de frango congelada importada do Brasil. O lote era destinado a cidade de Shenzhen, sul da China.

* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

2 comentários

Envie um comentário

-Publicidade-
Exclusivo para assinantes.
R$ 19,90 por mês