Coronavírus derruba 15% das exportações brasileiras em 2020

Ainda assim, balança comercial fechou com resultado melhor do que em 2019
-Publicidade-
Atracação de navios no cais do porto do Rio de Janeiro
Atracação de navios no cais do porto do Rio de Janeiro | Foto: Tânia Rêgo/Agência Brasil

Em 2020, o Brasil exportou US$ 33,8 bilhões a menos em mercadorias — uma queda de 15% em comparação com o resultado dos 12 meses anteriores. No ano da pandemia, foram US$ 191,5 bilhões exportados pelo país em face dos US$ 225 milhões em 2019. Segundo a plataforma Comex, do Ministério da Economia, a maior perda absoluta foi sentida na indústria da transformação (US$ 26,78 bilhões); já o agronegócio registrou uma redução de US$ 1,13 bilhão.

Ainda assim, a balança comercial brasileira fechou com resultado melhor que o de 2019. O efeito ocorre porque a queda no valor gasto com as importações foi ainda maior do que a da quantia arrecadada com as exportações. Em 2020, o Brasil exportou US$ 191,5 bilhões em mercadorias e importou US$ 140,5 bilhões, gerando um resultado positivo de US$ 51 bilhões. No ano anterior, foram US$ 225,3 bilhões contra US$ 177 bilhões, um saldo de US$ 48 bilhões.

Leia também: “Relatório do BC melhora a expectativa do PIB para 2020”

-Publicidade-
-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.