No Twitter, Elon Musk questiona se deve vender ações da Tesla

Proposta do bilionário faz referência ao debate sobre aumento da tributação dos mais ricos nos Estados Unidos
-Publicidade-
Elon Musk diz que vai obedecer a decisão da enquete promovida no Twitter
Elon Musk diz que vai obedecer a decisão da enquete promovida no Twitter | Foto: Divulgação

O bilionário e fundador da fabricante de veículos elétricos Tesla, Elon Musk, usou o Twitter neste domingo, 7, para perguntar aos seus 62 milhões de seguidores, se ele deveria vender 10% de suas ações na Tesla.

“Fala-se muito ultimamente que lucros não realizados são um meio de evitar impostos, então proponho vender 10% de minhas ações da Tesla”, escreveu Musk. “Vocês concordam?”, perguntou aos internautas, propondo votar “sim” ou “não”.

-Publicidade-

Até a tarde deste domingo, 3,4 milhões de internautas tinham participado da votação, com 57,7% a favor do “sim”.

“Vou respeitar o resultado da enquete, qualquer que seja a conclusão”, acrescentou o bilionário.

Nas postagens, Elon Musk sugeriu apontar para uma nova proposta dos democratas, que querem aumentar os impostos sobre os mais ricos taxando suas ações, que geralmente só são tributadas quando são vendidas.

“Lembrem-se de que não recebo salário em dinheiro ou bônus”, destacou Musk no Twitter. “Só tenho ações, portanto, a única forma de pagar pessoalmente os impostos é vendendo ações”, escreveu.

O mais rico do mundo

De acordo com a Bloomberg, Musk possuía em 10 de junho 17% das ações em circulação da Tesla, que atualmente valem aproximadamente US$ 208 bilhões.

Com suas participações em outras empresas, Neuralink e, acima de tudo, SpaceX, Musk é em teoria o homem mais rico do mundo, com uma fortuna estimada em mais de US$ 338 bilhões.

 

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.