Pix movimenta R$ 9,3 bilhões na primeira semana

Transações nesta fase inicial se concentraram em transferências entre pessoas físicas
-Publicidade-
Foto: Reprodução/Amirt
Foto: Reprodução/Amirt | pix - dagomir marquezi

Nesta fase inicial, transações se concentraram em transferências entre pessoas físicas

pix - dagomir marquezi
Foto: Reprodução/Amirt

A primeira semana de operação plena do Pix, o sistema de pagamentos instantâneos do Banco Central (BC), registrou 12,2 milhões de operações e movimentou R$ 9,3 bilhões.

-Publicidade-

Segundo o BC, até o último domingo, 22, já havia 83 milhões de chaves cadastradas, sendo 79,8 milhões de pessoas físicas e 3,7 milhões de empresas.

Leia mais: “Construção civil tem números positivos em novembro, aponta CNI”

Como cada usuário pode registrar mais de uma chave por conta bancária, o número real de usuários no Pix é de 34,5 milhões de pessoas e 2,2 milhões de firmas.

O Banco Central considerou positiva a primeira semana e classificou a operação de “suave e segura”. Ao todo, 735 instituições operam atualmente no Pix.

Nesta fase inicial, as transações se concentraram em transferências entre pessoas físicas.

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.