Uma imagem que ilustra a paralisia da sociedade provocada pelo coronavírus

Milhares de navios petroleiros estão estacionados ao redor do mundo esperando o momento para descarregar
-Publicidade-

Milhares de navios petroleiros estão estacionados ao redor do mundo esperando o momento para descarregar

Parecem formigas num formigueiro. São navios petroleiros, a maioria repleto de petróleo, estacionados ao redor do mundo aguardando o momento para descarregar. Não há previsão. Com os aviões estacionados em hangares e os automóveis parados, as tubulações e os armazéns em terra estão lotados.

-Publicidade-

A baixa demanda provocada pela quarentena do coronavírus fez com que o barril do petróleo despencasse de US$ 70,00, em abril de 2019, para US$ 19,99 nesta terça-feira. No Brasil, a Petrobras registrou queda de 60% na demanda nas primeiras semanas que se seguiram ao início do confinamento. Nos postos, o litro da gasolina está sendo vendido a cerca de R$ 4,00. Enquanto isso, manter um navio carregado de petróleo parado no oceano custa aproximadamente US$ 30.000 por dia.

Segundo reportagem da AFP, nunca na história contemporânea houve uma redução tão drástica do consumo de combustíveis fósseis. A prova concreta da magnitude da paralisia da sociedade.

Telegram
-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Meios de pagamento
Site seguro