-Publicidade-

‘Vamos investir em pesquisa ferroviária’, garante Tarcísio

Ministro da Infraestrutura ressalta a importância do setor para a economia
O ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas | Foto: DIVULGAÇÃO/AGÊNCIA BRASIL
O ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas | Foto: DIVULGAÇÃO/AGÊNCIA BRASIL | O ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas | Foto: DIVULGAÇÃO/AGÊNCIA BRASIL

Ministro da Infraestrutura ressalta a importância do setor para a economia

vamos investir
O ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas | Foto: DIVULGAÇÃO/AGÊNCIA BRASIL

O ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas, afirmou na segunda-feira 3 que o governo está se preparando para a estruturação do Centro de Tecnologia Ferroviária de Anápolis (GO). Além disso, garantiu que haverá injeção de recursos para o desenvolvimento de pesquisas capazes de ampliar os trilhos do país. “Vamos trazer o que tiver de melhor para esse centro. A ideia é que a coordenação fique com o Instituto Militar de Engenharia. Mas queremos também a presença de universidades que se empenhem no assunto”, afirmou Tarcísio em live publicada no Instagram.

Leia também: Marco das ferrovias é a nova aposta do governo

Além disso, o ministro ressaltou a importância de investimentos nesse setor, que hoje corresponde a apenas 15% do escoamento de produção no Brasil. Para se ter ideia, não passa sequer um trem por dia em aproximadamente 30% da malha de 30 mil quilômetros, conforme estudo da Confederação Nacional da Indústria. Há, ainda, um projeto no Congresso Nacional que é considerado o novo marco do saneamento das ferrovias, pois amplia a participação da iniciativa privada no setor. “Os investimentos serão muito importantes para que esse centro de tecnologia tome corpo”, declarou Tarcísio.

https://www.instagram.com/tv/CDcyvkDJciM/?igshid=1rithm6gggiuk

* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.
-Publicidade-
Exclusivo para assinantes.
R$ 19,90 por mês