-Publicidade-

SpaceX deve pôr 60 satélites em órbita

Empresa deseja trazer foguete 100% intacto de volta à Terra
Imagem da Starship
Imagem da Starship | Foto: Reprodução/YouTube

O primeiro lançamento do ano da SpaceX rumo ao espaço sideral foi adiado em um dia. Segundo a própria empresa, o envio do foguete com a missão de pôr em órbita mais 60 satélites não ocorreu nesta segunda-feira, 18, devido ao mau tempo na base na Nasa no litoral da Flórida, nos Estados Unidos. Com isso, a previsão é lançar o equipamento na manhã de terça-feira 19.

Leia mais: “Canon lança site que permite tirar fotos do espaço”

Mesmo com o adiamento, a companhia comandada pelo bilionário Elon Musk segue com o objetivo que vai além de pôr satélites em órbita. O ponto principal da mais nova missão da SpaceX é realizar um feito até aqui inédito: trazer o foguete — chamado de Falcon 9 — de volta ao solo do planeta sem ter nenhuma parte (ou cápsula) desintegrada.

Motores desligados

De acordo com o site norte-americano Science Alert, a ideia da empresa de tecnologia espacial é realizar as seguintes etapas para o pouso, que está previsto para ocorrer ainda nesta semana: desligar os motores, deixar o equipamento na posição vertical e, assim, diminuir o impacto da queda para colocá-lo de modo firme e seguro em alguma plataforma de pouso. “Será a primeira vez que um O veículo da nave estelar se aventurou tão alto e voltou inteiro”, observa a equipe do Science Alert.

Mais uma tentativa

Essa não será a primeira tentativa da SpaceX em fazer algo nesse sentido. No mês passado, a empresa realizou — com sucesso — o lançamento na nave Starship Nimber Eight (SN8). O insucesso, contudo, ocorreu na tentativa de trazer o foguete intacto de volta à Terra. Desligamento e religamento dos motores e mudança de posição para “amortecer” a queda não deram certo, e a nave explodiu.

* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

1 comentário

Envie um comentário

-Publicidade-
Exclusivo para assinantes.
R$ 19,90 por mês