5G: ‘Mundo acordou para ameaça da China’, diz Pompeo

Secretário de Estado disse que Estados Unidos tem capacidade de oferecer uma alternativa eficiente de 5G aos aliados
-Publicidade-
Secretário de Estado norte-americano, Mike Pompeo | Foto: Andrea Hanks/Casa Branca
Secretário de Estado norte-americano, Mike Pompeo | Foto: Andrea Hanks/Casa Branca

Secretário de Estado disse que Estados Unidos tem capacidade de oferecer uma alternativa eficiente de 5G aos aliados

Secretário de Estado norte-americano, Mike Pompeo | Foto: Andrea Hanks/Casa Branca
-Publicidade-

“O mundo acordou para a ameaça que a China representa à soberania”, afirmou o secretário de Estado norte-americano, Mike Pompeo, em evento nesta terça-feira, 15.

Ele disse que ao redor do mundo países entenderam o risco político que o regime chinês representa e acrescentou: “temos a capacidade de oferecer uma alternativa eficiente de 5G aos nossos aliados”.

LEIA MAIS: Bolsonaro garante que é dele a palavra final sobre 5G

Pompeo defende uma tecnologia que seja desenvolvida no Ocidente em contraposição à empresa chinesa Huawei.

O secretário de Estado indicou que não vê contradições nas críticas à China e os avanços de conversas comerciais e afirmou que o país não vai tolerar violações de direitos humanos por “dinheiro”.

Citando o oeste da China, região que engloba a província de Xinjiang, de onde os EUA suspenderam recentemente a importação de produtos em virtude de supostas violações de direitos humanos, e o Tibet, Pompeo prometeu uma política externa baseada nos valores fundamentais norte-americanos, que incluiriam a garantia da dignidade humana.

Ele afirmou ainda que o mais importante hoje é garantir que o “povo americano entenda a ameaça chinesa”.

Com informações do Estadão Conteúdo.

Telegram
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

2 comments

  1. Onde estão os ativistas de esquerda que se calam diante da opressão ao tibet e a sua cultura espiritual? Onde estão os ativistas dos direitos humanos da esquerda que nada falam sobre o sofrimento dos uigures muculmanos, torturados em campo de concentracao e sofrendo violencia de uma lavagem cerebral que os comunists chamam de reeducação? Só quando a violação vem de um governo de direita os ativistas aparecem e gritam. Perdem cada vez mais credibilidade. Viva o tibet!

Envie um comentário

-Publicidade-
Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Payment methods
Security site
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Payment methods
Security site