Banco da Inglaterra já vê sinais de recuperação

A economia britânica já mostra sinais de recuperação com a reabertura
-Publicidade-
A sede do Banco da Inglaterra, em Londres | Foto: Diliff/Wikimedia
A sede do Banco da Inglaterra, em Londres | Foto: Diliff/Wikimedia | economista-chefe do BoE

Para o presidente do BoE, Andrew Bailey, a retirada das restrições já começam a mostrar sinais na economia do país

BoE - Bailey - recuperação - reabertura
A sede do Banco da Inglaterra, em Londres | Foto: Diliff/Wikimedia

O presidente do Banco da Inglaterra (BoE), Andrew Bailey, afirmou que já é possível enxergar alguns sinais de recuperação da economia com o início da reabertura após a pandemia do coronavírus.

-Publicidade-

“Existem elementos que a recuperação vai ser rápida, uma vez que o primeiro estágio é retirar as restrições e permitir que as pessoas saiam de casa”, afirmou Bailey.

Veja mais: “PIB no Reino Unido recua 2% no primeiro trimestre”

Embora não tenha dado evidências, sinais iniciais de maio e no início de junho demonstram os primeiros sinais dessa retomada, aponta a agência de notícias Reuters.

O presidente do BoE disse que a recuperação vai levar mais tempo do que sugere a reabertura, e que muitas pessoas ainda não vão estar seguras para voltar a restaurantes.

Mais: “Reino Unido planeja pacote de estímulo à economia”

“Nós não sabemos o quão assuntado as pessoas vão estar. Eu acredito que vai existir algum medo, mas é muito difícil julgar”, afirmou.

Telegram
-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Meios de pagamento
Site seguro