Biden deve impedir entrada de brasileiros nos EUA

É o que informou a futura porta-voz do governo democrata
-Publicidade-
Trump havia permitido a entrada de pessoas vindas do Brasil
Trump havia permitido a entrada de pessoas vindas do Brasil | Foto: Gage Skidmore/Flickr

A futura porta-voz do governo Biden, Jen Psaki, informou que o democrata deve continuar barrando a entrada de brasileiros nos Estados Unidos. O comunicado foi emitido pouco depois de o presidente Donald Trump anunciar o fim das restrições a viajantes do Brasil, Reino Unido, Irlanda e de outros países da União Europeia. “Com o agravamento da pandemia e mais variantes contagiosas emergindo em todo o mundo, este não é o momento de suspender as restrições às viagens internacionais”, publicou Psaki, no Twitter, na segunda-feira 18. “Seguindo o conselho de nossa equipe médica, a Administração não pretende suspender essas restrições em 26/01”, acrescentou a porta-voz, ao mencionar que Biden “aumentará as medidas de saúde pública”. O fim da restrição, anunciado por Trump, valeria a partir de 26 de janeiro, seis dias depois da posse do democrata, prevista para amanhã.

Leia também: “Os globalistas assanhados com Biden”, artigo de Rodrigo Constantino publicado na edição 43 da Revista Oeste

-Publicidade-
Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.