Anvisa aprova 8 novos testes rápidos para o coronavírus

Os testes possibilitaram que o resultado saia mais rápido e serão usado pelos profissionais da saúde na triagem e diagnóstico da doença. 6 deles vão usar amostras de sangue, soro ou plasma. Nos outros dois casos, uma espécie de cotonete recolhe amostras das vias respiratórias.
-Publicidade-
Sede da Agência  Brasileira de Vigilância Sanitária | Foto: Agência Brasil
Sede da Agência Brasileira de Vigilância Sanitária | Foto: Agência Brasil

Oferta dos kits dependerá da capacidade de cada empresa que recebeu o registro

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) aprovou oito novos testes rápidos de coronavírus. A medida foi publicada no Diário Oficial da União desta quinta-feira, 19.

-Publicidade-

Os testes possibilitarão que o resultado saia mais rápido e serão usados pelos profissionais da saúde na triagem e no diagnóstico da doença.

Seis deles recolhem amostras de sangue, soro ou plasma. Nos outros dois casos, uma espécie de cotonete retira amostras das vias respiratórias.

De acordo com a Anvisa, a oferta dos kits dependerá da capacidade de cada empresa que recebeu o registro.

-Publicidade-
Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.