Elon Musk afirma que Twitter tem ‘forte’ viés de esquerda

O novo dono da plataforma fez o comentário em uma publicação que defendia a violência contra grupos que combatem o aborto
-Publicidade-
Elon Musk comprou o Twitter por US$ 44 bilhões | Foto: Reprodução/YouTube
Elon Musk comprou o Twitter por US$ 44 bilhões | Foto: Reprodução/YouTube

O empresário Elon Musk, que recentemente adquiriu o Twitter, disse na segunda-feira 9 que a plataforma de mídia social tem um viés de esquerda “forte”.

A declaração foi dada em resposta à postagem do influenciador Mike Cernovich, que criticou a jornalista Caroline Reilly, do Rewire News Group. No domingo 8, a jornalista celebrou os casos de vandalismo contra a sede de um grupo contra o aborto.

“Mais disso. Que essas pessoas nunca tenham um momento de paz ou segurança até apodrecerem no chão”, escreveu na rede social, ao compartilhar uma reportagem do jornal The New York Times. Logo depois, Reilly apagou o post.

-Publicidade-

O influenciador Mike Cernovich compartilhou a postagem e marcou o novo dono do Twitter.

“Aqui está, Elon Musk, quando os funcionários do Twitter invariavelmente mentem para você sobre o cumprimento da política, talvez eles possam explicar por que uma conta verificada pode incitar o terrorismo sem qualquer cuidado no mundo sem ser banido”, publicou Cernovich.

Ao responder à publicação, Musk escreveu: “O Twitter obviamente tem um forte viés de esquerda”. Há duas semanas, o magnata adquiriu a rede social por US$ 44 bilhões, depois de ter se tornado o maior acionista da empresa.

Leia também: “O voo da liberdade”, reportagem publicada na Edição 110 da Revista Oeste

-Publicidade-
Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.