Em Israel, atentado a faca deixa 4 mortos

O ataque é um dos episódios mais violentos no país contra judeus desde 2017
-Publicidade-
O ataque se deu em ao menos em três momentos, de acordo com a polícia
O ataque se deu em ao menos em três momentos, de acordo com a polícia | Foto: Reprodução/Xinhua

Quatro pessoas foram mortas em um ataque na terça-feira 22 em Beersheba, no sul de Israel. O episódio, um dos mais mortais do gênero nos últimos anos no país, foi o terceiro contra cidadãos judeus em menos de uma semana.

O ataque se deu em ao menos três momentos, de acordo com Peretz Amar, porta-voz da polícia local.

O autor atropelou e matou uma ciclista na frente de um posto de combustíveis e, ao descer do carro, já dentro do estabelecimento, esfaqueou uma mulher, que também morreu. Na sequência, dirigiu até um shopping ao ar livre e atacou mais três mulheres com a faca, matando uma delas. Voltando ao automóvel, bateu em outro carro numa rotatória, desceu e esfaqueou até a morte um homem.

-Publicidade-

Dois pedestres tentaram acalmar o homem, mas também foram atacados — vídeos publicados nas redes sociais mostram esse momento. Um deles, que estava armado, então atirou, matando o autor dos ataques.

O número de mortos (três mulheres e um homem) é o mais alto em ataques únicos realizados contra cidadãos judeus ao menos desde 2017. Duas pessoas ficaram feridas.

De acordo com a agência Reuters, o homem não teve o nome divulgado, mas foi identificado como um israelense de origem árabe, ex-professor do ensino médio, que chegou a ser preso por supostas ligações com o Estado Islâmico.

Em um comunicado, o primeiro-ministro de Israel, Naftali Bennett, disse que as forças de segurança estavam em estado de “vigilância máxima” depois do ataque.

Os Estados Unidos condenaram o que o Departamento de Estado chamou de “abominável ataque terrorista”.

-Publicidade-
Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.