-Publicidade-

Além de Biden: três democratas tomam posse no Senado dos EUA

Parlamentares do mesmo partido do novo presidente assumem cadeiras no Capitólio
Capitólio, prédio onde funciona a Câmara dos Representantes e o Senado dos Estados Unidos
Capitólio, prédio onde funciona a Câmara dos Representantes e o Senado dos Estados Unidos | Foto: Divulgação

Joe Biden tomou posse como o 46º presidente da República dos Estados Unidos da América na última quarta-feira, 20. Ele, entretanto, não foi o único membro do Partido Democrata a assumir novo cargo na estrutura político nesta semana. Outros três integrantes da legenda foram empossados como senadores.

Leia mais: “EUA: Biden rompe com aliança internacional contra o aborto”

O trio de novos parlamentares do Partido Democrata é composto por Raphael Warnock, Jon Ossoff e Alex Padilla. Os dois primeiros são da Geórgia e venceram candidatos do Partido Republicano em eleição realizada no início do mês. Padilla, por sua vez, chega ao Senado para ocupar o lugar de Kamala Harris como representante do Estado da Califórnia — ela deixou o cargo para assumir como vice-presidente.

Com as posses dos três senadores, os democratas passam a ser maioria de facto no Senado dos Estados Unidos. Atrás do Partido Republicano em números absolutos, 50 a 48, a legenda de Biden conta o apoio informal dos dois congressistas tidos, oficialmente, como independentes — um deles é Bernie Sanders, atualmente “independente”, mas que tentou ser o candidato do Partido Democrata na última corrida presidencial.

Voto de minerva

Na função de vice-presidente da República norte-americana, Kamala Harris passa a responder também como presidente do Senado. Dessa forma, ela ganha poder de voto de minerva — o que tende a ocorrer de forma frequente com a divisão da Casa entre democratas e republicanos.

* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

Envie um comentário

-Publicidade-
Exclusivo para assinantes.
R$ 19,90 por mês