Foie gras sem crueldade

Startup francesa vai produzir a iguaria a partir de células cultivadas
-Publicidade-
Imagem: divulgação Gourmey
Imagem: divulgação Gourmey

O foie gras (literalmente “fígado gordo”) é um dos mais apreciados ingredientes da cozinha francesa. E é também um dos mais cruéis. Para que seja produzido, criadores forçam uma quantidade brutal de alimentos pela garganta de patos e gansos.

A alimentação forçada, além de dolorosa, faz com que seus fígados fiquem 10 vezes maiores que o normal e praticamente apodreçam em vida. Pela sua crueldade, a venda do produto está sendo proibida em Nova Iorque e no Estado da Califórnia, além de países como o Reino Unido, Finlândia, Israel e Noruega. O Parlamento Europeu está trabalhando no banimento em todo o continente.

Em breve o foie gras poderá ser saboreado sem culpa. Segundo o New York Times, uma startup francesa chamada Gourmey está desenvolvendo um produto a partir de células originais.  Elas são implantadas num ovo de pata e cultivadas em laboratório. As células são alimentadas com proteínas, aminoácidos e açúcar até adquirirem a textura de um foie gras.

-Publicidade-
Telegram
-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

1 comentário

  1. Proibido onde mesmo? Claro! Nos maiores bunkers da lacrosfera. Proibir o foie gras só vai deixar ele mais caro e esnobe, porque os mesmos lacradores de m… (Pleonasmo) serão os primeiros a procurar essa “iguaria” de produtores clandestinos. Pior ainda, vão contrabandear da China, que, aliás, adora quando os ocidentais fazem coisas idiotas. A solução mais óbvia seria: PAREM DE TORTURAR OS BICHOS. MESMO QUE O PRODUTO ENCAREÇA, ACEITEM UM PADRÃO ABAIXO.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Payment methods
Security site
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Payment methods
Security site