Jornalista chinesa presa durante a pandemia ‘está perto da morte’, diz família

Zhang Zhan tentou registrar a cobertura da pandemia em Wuhan, epicentro da covid-19 na China, mas foi detida e sentenciada
-Publicidade-
A jornalista Zhang Zhan, de 38 anos, está presa desde maio de 2020
A jornalista Zhang Zhan, de 38 anos, está presa desde maio de 2020 | Foto: Reprodução YouTube/AFP

Em fevereiro de 2020, a jornalista Zhang Zhan, de 38 anos, viajou a Wuhan, epicentro da covid-19 na China, para registrar a situação na cidade e questionar como as autoridades locais estavam lidando com o vírus. Foram poucas as imagens feitas pela jornalista.

Em maio do mesmo ano, Zhang Zhan foi detida e sentenciada a quatro anos de prisão por “provocar distúrbios da ordem pública”, uma acusação habitualmente aplicada na China a dissidentes políticos.

Zhang, que também é advogada, declarou greve de fome e, durante meses, foi alimentada à força por sondas nasogástricas. Nesta semana, o irmão da jornalista, Zhang Ju, advertiu pelas redes sociais que a jornalista está muito magra e “pode não sobreviver ao inverno”.

-Publicidade-

A Anistia Internacional pediu a libertação imediata de Zhang para que ela “termine a greve de fome e receba o tratamento de que precisa”. A organização Repórteres Sem Fronteiras também solicitou à comunidade internacional que pressione pela libertação da jornalista.

A agência de notícias AFP entrou em contato com o advogado de Zhang. De acordo com ele, a família não foi autorizada a visitá-la na prisão. O sistema penitenciário da China não comentou o caso.

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

5 comentários Ver comentários

  1. Os defensores de direitos humanos, as feministas e racistas do Brasil não conseguem enxergar essa barbárie porque vem de um país que eles apoiam. É vergonhoso seu silêncio.

  2. Enquanto isso, aqui em banânia, 90% dos jornalistas e seus empregadores, trabalham de maneira intensa para conseguir chegar no nível da china, que maravilha, contando com ajuda do stf e toda a esquerdalhada unida.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.