Reino Unido inicia testes para terceira dose de vacina contra a covid-19

Reforço visa ampliar proteção contra as variantes do coronavírus e evitar possível nova onda de infecções no próximo inverno
-Publicidade-
Estudo deve englobar cerca de 2,8 mil pessoas que já realizaram a vacinação completa no Reino Unido
Estudo deve englobar cerca de 2,8 mil pessoas que já realizaram a vacinação completa no Reino Unido | Foto: Reprodução/Pexels

O Reino Unido vai iniciar um estudo com milhares de voluntários sobre a eficácia de uma terceira dose de vacinas contra a covid-19. O intuito do reforço da imunização é ampliar a proteção contra as variantes do coronavírus e evitar o colapso no sistema de saúde devido a uma possível nova onda de infecções no próximo inverno.

No total, o estudo deve englobar cerca de 2,8 mil pessoas que já realizaram a vacinação completa no Reino Unido, ou seja, todos que receberam duas doses da vacina da Pfizer/BioNTech ou da Oxford/AstraZeneca. Para os testes, a terceira dose não precisará ser necessariamente do mesmo laboratório que as outras duas, e pode ainda ser um placebo, no caso do participante ser do grupo controle.

-Publicidade-

Leia também: “Vacinação na Europa ganha velocidade e se aproxima dos EUA, diz Von der Leyen”

A terceira dose de reforço que será aplicada nos voluntários poderá ser de um dos sete imunizantes selecionados para o estudo: Oxford/AstraZeneca; Pfizer/BioNTech; Moderna; Janssen; Novavax; Valneva; e CureVax. Após a aplicação, os participantes serão testados para a avaliação dos níveis de anticorpos e o eventual aumento da imunidade.

“A esperança do reforço é aumentar os níveis de anticorpos o suficiente para cobrir as cepas existentes e variantes do coronavírus”, disse o professor Saul Faust, diretor do NIHR Southampton Clinical Research Facility e investigador-chefe do estudo, em reportagem ao jornal britânico The Guardian.

Os resultados devem ser divulgados até o final de agosto e serão usados ​​pelo Comitê Conjunto de Vacinação e Imunização (JCVI) do Reino Unido para traçar novas políticas públicas de proteção contra a covid-19.

“União Europeia anuncia plano de reabertura das fronteiras para imunizados”

 

Telegram
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

Envie um comentário

-Publicidade-
Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Payment methods
Security site
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Payment methods
Security site