Soldados indianos morrem em confronto com a China

Três soldados indianos morreram em um confronto com tropas chinesas na fronteira disputada entre os dois países que são potências nucleares
-Publicidade-
A bandeira da Índia | Foto: Yann Forget/Wikimedia
A bandeira da Índia | Foto: Yann Forget/Wikimedia | boicote aos produtos chineses

As potências nucleares disputam regiões no Himalaia; chegaram a ter uma breve guerra em 1962

Soldados - indianos - morreram - chineses
A bandeira da Índia | Foto: Yann Forget/Wikimedia

Três soldados indianos morreram em confronto com tropas chinesas na fronteira disputada entre os dois países. Essa é a primeira vez em 53 anos que ocorrem mortes entre tropas das duas potências nucleares.

-Publicidade-

De acordo com as autoridades indianas, não houve troca de tiros. Os soldados usaram bastões e jogaram pedras uns nos outros, informa a agência de notícias Reuters.

Veja também: “Índia quer atrair mais de 1.000 empresas americanas que estão na China”

A China culpou a Índia pelo conflito e afirmou que um soldado chinês também ficou ferido.

O Vale de Galwan, no Himalaia, é disputado pelos dois países e está fechado há semanas, com ambos os lados acusando o outro de invasão de seu território.

Guerra

Em 1962, a Índia e a China tiveram um breve conflito por não conseguir chegar a um acordo sobre a fronteira entre os dois países, questão ainda em disputa até os dias atuais.

Pequenos confrontos entre as tropas acontecem no Himalaia desde então, mas não se registrava nenhuma morte desde 1967.

* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias.
Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

Envie um comentário

-Publicidade-
Exclusivo para assinantes.