-Publicidade-

Anvisa atesta eficácia da CoronaVac em mais de 50%

Metodologia utilizada considera especificidades dos voluntários
Foto: Adriana Toffeti/Estadão Conteúdo
Foto: Adriana Toffeti/Estadão Conteúdo | Foto: Adriana Toffeti/Estadão Conteúdo

Metodologia utilizada considera especificidades dos voluntários

coronavac
Anvisa liberou o uso emergencial da CoronaVac | Foto: Adriana Toffeti/Estadão Conteúdo

Na tarde do último domingo, 17, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) anunciou que a CoronaVac possui 50,39% de eficácia. O resultado foi um dos critérios para permitir a aprovação do uso emergencial do imunizante em solo nacional.

Eficácia da CoronVac testada pela Anvisa | Foto: Divulgação/YouTube

O cálculo feito pela Anvisa segue os mesmos critérios estatísticos utilizados pelo Instituto Butantan — responsável pela produção do imunizante no Brasil. A metodologia considera o fator Hazard Ratio, que atribui uma razão de perigo estabelecida de acordo com as caraterísticas dos voluntários (exposição, idade, comorbidades e etc)

Leia também: “Vacinas devem chegar amanhã em todos os Estados, diz Pazuello”

* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

3 comentários

  1. O Protocolo publicado em agosto de 2020 pelo Butantan já previa isso, como lemos:
    “Se na análise final, o critério de sucesso é atingido (p<0,0241), se espera que a razão de risco (hazard ratio) estimada seja aproximadamente de 50%, fornecendo uma eficácia vacinal estimada de aproximadamente 50%, com um ajuste apropriado do limite inferior do intervalo de confiança acima de 30%."

    Fonte: https://static-content.springer.com/esm/art%3A10.1186%2Fs13063-020-04775-4/MediaObjects/13063_2020_4775_MOESM1_ESM.pdf
    (Página 41 de 72)

Envie um comentário

-Publicidade-
Exclusivo para assinantes.
R$ 19,90 por mês