-Publicidade-

Doria na mira do MP: procurador vê ‘sobrepreço’ em compra de máscaras

Secretaria de Saúde de São Paulo nega irregularidades nas aquisições
João Doria é governador de São Paulo
João Doria é governador de São Paulo | Foto: Divulgação/GESP

Uma ação realizada pelo governo de João Doria (PSDB) em meio à pandemia de covid-19 caiu na mira do Ministério Público de Contas do Estado de São Paulo (MPC-SP). Nesta quinta-feira, 21, a Agência Estado divulgou que o órgão identificou indícios de irregularidades na compra de máscaras de proteção facial. Procedimento esse realizado sem licitação.

Leia mais: “Coronavírus: prefeito e fotógrafo furam a fila da vacinação em duas cidades do Nordeste”

Em relatório, o procurador Rafael Antonio Baldo fala em suposto “sobrepreço” na aquisição feita há meses pelo governo paulista. De acordo com ele, o valor pago por unidade foi de R$ 32, sendo que a empresa responsável oferece o mesmo produto em seu site, mas com custo inferior: R$ 7,90 por cada máscara de proteção facial. No total, o negócio custou R$ 960 mil aos cofres públicos do Estado de São Paulo.

“A tese de sobrepreço é reforçada ao comparar a presente aquisição com as compras de mesmo objeto feitas por outras Secretarias. Nessa linha, em consulta à Bolsa Eletrônica de Compras de São Paulo, de um total de sete negociações ocorridas entre 13 de julho de 2020 e 14 de janeiro de 2021, constatou-se que o preço médio praticado foi de R$ 8,31, enquanto o preço máximo foi de R$ 14,89”, afirma Baldo em trecho de seu parecer.

O outro lado

Órgão responsável pela compra das 30 mil unidades de máscaras de proteção facial, a secretária estadual de Saúde negou ter realizado quaisquer irregularidades e criticou a postura do procurador. “Os faceshields adquiridos são itens específicos para uso em hospitais, sobretudo para os profissionais que atuam na Unidade de Terapia Intensiva (UTI)”, afirma a pasta, em nota divulgada à imprensa, ao defender o negócio que está na mira do Ministério Público.

_____________________

Confira os principais destaques dos bastidores do poder diretamente no seu WhatsApp. Clique aqui, siga as instruções e faça parte da lista de transmissão da Revista Oeste.

* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

4 comentários

  1. O objetivo desse crápula é se manter em evidência, ainda mais que o Hulk, outro animal alienígena das odes do globalismo, interessadíssimo nesse tipo de marginal.
    Já não deve precisar de roubar tanto, mas o faz, é cúmplice do que faz, como forma de ser visualizado pelo gado que pensa estar encurralando!
    Pior não há. Figura execrável, de semblante cínico por intuição, falsa seriedade quando olha para a câmera.
    Esse jornalista empobrece a sua classe, em cada atitude.

    1. Huck é um safado sem escrúpulos, enganador, hipócrita e se aproveitou do poder para aquisição d ebens às nossas custas, pois a grana do BNDES é destinada para atender ao povo que necessita, de fato! #ForaGloboLixo! #ForaGloboFuneral! #ForaGloboPropina!

Envie um comentário

-Publicidade-
Exclusivo para assinantes.
R$ 19,90 por mês