-Publicidade-

Amazonino Mendes pode voltar a ser prefeito de Manaus

Candidato apoiado por Jair Bolsonaro ficou na 5ª posição
Amazonino Mendes (Podemos) e David Almeida (Avante) / Foto: Tribunal Superior Eleitoral
Amazonino Mendes (Podemos) e David Almeida (Avante) / Foto: Tribunal Superior Eleitoral

Candidato apoiado por Jair Bolsonaro ficou na 5ª posição

Amazonino Mendes (Podemos) e David Almeida (Avante) | Foto: Tribunal Superior Eleitoral

O ex-governador do Amazonas Amazonino Mendes (Podemos) pode voltar a ser prefeito da capital de seu Estado. Com 23,91% dos votos, concorrerá no segundo turno da eleição de 2020 para a prefeitura de Manaus contra David Almeida (Avante), ex-deputado federal, que conseguiu 22,36% da votação.

Em 2018, ambos saíram derrotados do pleito para o governo estadual. Na época, Mendes obteve votação mais expressiva mas perdeu a disputa para o governador Wilson Lima (PSC).

O candidato apoiado pelo presidente Jair Bolsonaro, Coronel Menezes (Patriota), ficou na quinta colocação, com 11,32% do eleitorado. Alfredo Nascimento (PL), que contou com o apoio de Arthur Virgílio (PSDB), o atual prefeito, conseguiu a sétima posição, com 3,24%.

Leia também: “Psol avança para o segundo turno em Belém”

____________________

Oeste nas eleições 2020 (e nas redes sociais). Confira em nossa fan page e em nosso perfil no Twitter os principais destaques do primeiro turno do pleito brasileiro.

* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

1 comentário

Envie um comentário

-Publicidade-
Exclusivo para assinantes.
R$ 19,90 por mês