Bolsonaro: liberdade vale mais que a própria vida

Presidente disse que quando o Estado avança sobre interesses e liberdades individuais, dificilmente ele recua
-Publicidade-

Presidente disse que quando o Estado avança sobre interesses e liberdades individuais, dificilmente ele recua

Bolsonaro
Presidente da República, Jair Bolsonaro | Foto: Isac Nóbrega/PR
-Publicidade-

O presidente Jair Bolsonaro fez uma defesa das liberdades individuais e contra o pânico em discurso neste sábado, 12, durante a formatura e entrega de espadas a guardas-marinha da turma de 2020 da Escola Naval, no Rio de Janeiro.

Aos formandos, Bolsonaro também disse que a disciplina e a hierarquia que impõe limites também ajudam a evoluir.

Leia mais: “POR QUE A CÂMARA É TÃO RUIM”, reportagem de capa da edição desta semana da Revista Oeste

“Quando o Estado avança sobre interesses e liberdades individuais, dificilmente ele recua”, disse Bolsonaro, sem fazer menção direta à pandemia de coronavírus. “Não deixe que o pânico nos domine. Nossa liberdade não tem preço, ela vale mais que a nossa própria vida”

O presidente estava acompanhado de ministros militares, além do governador do Rio, Claudio Castro, e do prefeito Marcelo Crivella.

Com informações do Estadão Contéudo

* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

4 comentários

  1. Correto. A liberdade não tem preço; porém receio muito por ela por conta dos rumos que os acontecimentos estão tomando lá nos Estados Unidos, com a ameaça de mais uma Secessão (por enquanto é só ameaça) e isso se der errado, os ditadorezinhos de plantão por aqui, como alguns governadores conhecidos, vão se achar com o direito de cercear nossa liberdade. Um deles até já prometeu abrir mais um escritório de negócios por lá, além do que já tem na China comunista. A N.O.M. vencerá?

  2. o Presidente está corretíssimo. Concordo com ele. Parabéns! O Estado avança sobre interesses e liberdades individuais para proteger aqueles que cometem crimes como “rachadinhas”; movimentações financeiras inexplicáveis; depósitos supostamente ilícitos; e intervenções públicas de pessoas não relacionadas à diplomacia com graves consequências para o agronegócio brasileiro. Assim nós estamos assistindo que o PR realmente defender esses interesses individuais não deixando que a Polícia Federal e a ABIN interfiram nesses processos. A liberdade então dessas pessoas está garantida.

  3. Corretíssimo, e é da impossibilidade total de negociarmos nossa liberdade por qualquer motivo que seja, principalmente por conta das ações dos corruptos e ignorantes, é que os marginais têm medo!

Envie um comentário

-Publicidade-
Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Payment methods
Security site
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Payment methods
Security site