Candidato do PDT é reeleito prefeito de Aracaju

Edvaldo Nogueira havia registrado mais de 45% dos votos no primeiro turno
-Publicidade-
Edvaldo Nogueira: do PCdoB para o PDT na conquista da reeleição à prefeitura de Aracaju | Foto: Reprodução/Instagram
Edvaldo Nogueira: do PCdoB para o PDT na conquista da reeleição à prefeitura de Aracaju | Foto: Reprodução/Instagram | edvaldo nogueira - pdt - prefeito reeleito em aracaju - sergipe

Edvaldo Nogueira havia registrado mais de 45% dos votos no primeiro turno

edvaldo nogueira - pdt - prefeito reeleito em aracaju - sergipe
Edvaldo Nogueira: do PCdoB para o PDT na conquista da reeleição à prefeitura de Aracaju | Foto: Reprodução/Instagram
-Publicidade-

Edvaldo Nogueira (PDT) seguirá como prefeito de Aracaju em 2021. Candidato à reeleição, ele foi o vencedor da eleição na capital de Sergipe, com 150,8 mil votos. No segundo turno deste domingo, 29, o pedetista superou Delegada Danielle (Cidadania). Ela obteve 109,8 mil votos.

Leia mais: “Mais de 100 prefeitos eleitos aguardam julgamento do TSE”

A vitória de Nogueira confirma a expectativa desenhada semanas antes. Por pouco menos de 5% dos votos válidos, ele não foi eleito já no primeiro turno. Na ocasião, conquistou a preferência de 45,57% do eleitorado. Agora, teve 57,86%.

Nogueira conquistou o direito de se manter na prefeitura de Aracaju por meio da coligação Pela Vida, pela Cidade. A chapa encabeçada pelo integrante do PDT ainda contou com a presença de PCdoB, PSD, MDB, PV, PP, PSC, Solidariedade e Republicanos.

Ex-comunista

Edvaldo Nogueira iniciou sua trajetória política na década de 1980 pelo Partido Comunista do Brasil (PCdoB). Seguiu na legenda até o começo de 2020, quando decidiu ir para o PDT. Como comunista, foi vereador, vice-prefeito e prefeito. Após ser eleito vice em 2000, assumiu o Executivo de Aracaju em 2006, foi reeleito em 2008 e voltou ao poder em 2016.

Mesmo prefeito, nova vice

O prefeito de Aracaju será o mesmo no ano que vem, mas a vice-prefeitura da capital sergipana terá nova ocupante. Em 2016, a companheira de chapa de Nogueira foi Eliane Aquino (PT), que se elegeu vice-governadora em 2018. No pleito deste ano, o integrante do PDT teve a companhia de Katarina Feitoza (PSD), servidora pública estadual estreante na política.

Telegram
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

Envie um comentário

-Publicidade-
Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Payment methods
Security site
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Payment methods
Security site