Delegada da PF afirma que Bolsonaro cometeu crime ao divulgar documentos

Denisse Ribeiro diz que deixou de 'promover o indiciamento' do presidente apenas porque ele tem foro privilegiado
-Publicidade-
Sede da Polícia Federal em Brasília | Foto: Afonso Marangoni/Revista Oeste
Sede da Polícia Federal em Brasília | Foto: Afonso Marangoni/Revista Oeste

A delegada de Polícia Federal Denisse Dias Rosas Ribeiro afirmou ao Supremo Tribunal Federal elementos colhidos mostram que o presidente Jair Bolsonaro teve “atuação direta, voluntária e consciente” na prática do crime de violação de sigilo funcional.

Esse crime se caracteriza pela divulgação de documentos sigilosos aos quais teve acesso em razão de seu cargo. Ela faz a mesma afirmação em relação ao deputado Filipe Barros (PSL-PR). É a primeira vez que a Polícia Federal (PF) imputa um crime a Bolsonaro nos inquéritos em andamento contra ele.

-Publicidade-

A posição da delegada consta de um relatório parcial enviado em novembro do ano passado ao ministro do Supremo Alexandre de Moraes. O teor do documento só veio a público agora, após ter o sigilo derrubado ontem por decisão do magistrado.

No relatório, a PF pediu autorização para tomar o depoimento do presidente. A oitiva ocorreria nesta sexta-feira, por ordem de Moraes, mas Bolsonaro não compareceu e recorreu à Corte para não depor presencialmente, o que foi negado.

A delegada escreveu que não indiciou Bolsonaro nem Filipe Barros apenas porque o Supremo impede o indiciamento de autoridades com foro privilegiado.

“Deixo, entretanto de promover o indiciamento de ambos em respeito ao posicionamento de parte dos excelentíssimos ministros do Supremo Tribunal Federal, que preconiza que pessoas com foro por prerrogativa de função na egrégia Corte só podem ser indiciadas mediante prévia autorização”.

Ela determinou o indiciamento do ajudante de ordens da Presidência, o tenente-coronel Mauro Cesar Barbosa Cid, pelo mesmo crime: “Na condição de funcionário público, revelou conteúdo de inquérito policial que deveria permanecer em segredo até o fim das diligências”.

De acordo com a investigação, o deputado Filipe Barros pediu à PF cópia do inquérito sobre o ataque hacker na condição de relator da Proposta de Emenda à Constituição (PEC) sobre voto impresso auditável, que foi derrotada na Câmara dos Deputados.

Mas, em vez de utilizar o material apenas para este fim, vazou o material para Jair Bolsonaro “a fim de municiá-lo na narrativa de que o sistema eleitoral brasileiro, de votação eletrônica, era vulnerável e permitiria fraudar as eleições, embora o escopo do inquérito policial no 1361 fosse uma suposta invasão a outro sistema do Tribunal Superior Eleitoral, não guardando relação com o sistema de votação alvo dos ataques”.

Denisse Dias Rosas Ribeiro também disse que, “por determinação do sr. presidente da República, Mauro Cid promoveu a divulgação do conteúdo da investigação na rede mundial dos computadores”. “Tais ações permitiram que a cópia integral do inquérito fosse divulgada por diversas mídias”, apontou.

A Advocacia-Geral da União (AGU) sustenta que Bolsonaro não divulgou documentos sigilosos da investigação. O argumento do órgão é o de que os documentos não estavam sob sigilo à época em que foram divulgados em live realizada em agosto de 2021.

Ao Supremo, a AGU citou depoimento do delegado Victor Campos, responsável pelo caso, que apresentou a mesma versão. No relatório parcial apresentado ao ministro Alexandre de Moraes, entretanto, a delegada escreveu que o inquérito policial era sigiloso.

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

59 comentários Ver comentários

  1. Para o Xandão está mais importante tentar difamar e criminalizar o PR do que investigar e divulgar a invasão em si, isso só mostra que eles tem o que esconder e estão tentando desviar jogando a bomba no colo do PR, mas não deu certo kkkk

  2. Segundo Rodrigo Constantino no programa “Três Em Um ” da Jovem Pan, o sigilo foi colocado após a live do presidente… Confirmado pelo delegado do caso. Quando O Jornalista José Maria Trindade,fala que a polícia federal é dividida em “Feudos”, esse é o maior exemplo….

  3. A que ponto chegamos. Será que a delegada sabe que o processo de votação começa na urna e termina na apuração e divulgação dos resultados contabilizados nos computadores do TSE (onde o Hacker estava “passeando”)?

  4. Uma sugestão a esse delegado, entre com uma ação contra o Alexandre de moraes, e viola a constituição todos os dias…vá te catar .

  5. Daqui a pouco essa delegada começa a dar entrevista na globo e vira celebridade, igual a médica cantora que nunca atendeu um paciente de covid !!

  6. Não importa mais, o crime eles inventam, daí prendem, perseguem, não devemos mais discutir se essa ou outra atitude do STF é ilegal ou não, o que se deve discutir é como parar o STF , o problema é que Bolsonaro é um cachorro velho e sem dentes , ninguém mais tem medo dele, é aí? Cadê os homens capazes de freiar o STF ? Cade os almirante, brigadeiros, generais? Onde estão? Acho que todos atualmente, foram promovidos ao estado maior por Dilma e Lula, e por isso , fazem parte da mesma quadrilha, por isso nada fazem

  7. Essa imbecil que tem vinculos diretos com o “stf” é mais uma acólita da esquerdalha que foi instalada pela corja petista. O que causa espanto é notar o silêncio do superintendente da PF.

  8. É assustador o nível de incompetência dos funcionários públicos brasileiros, só de chegar as mãos do Presidente Bolsonaro, do deputado Felipe Barros ou de qualquer outra pessoa, já é suficiente para esse ou outro inquérito/documento deixar de ser sigiloso.

  9. Queria q esse fosse o motibo de uma guerra civil entre comunistas/PCC/PCC e os povo apatico deste Brasil q idolatra o Deus do Dinheiro e se acovardou frente a idiotas e seus asseclas.

  10. Ora! Se o inquerito estivesse sob sigilo a polícia federal não teria disponibilizado uma cópia para o deputado Felipe Campos. Só a polícia tem acesso à inquérito sigiloso. Portanto, se houve algum vazamento, foi a polícia quem o fez.

  11. Penso que, pelos dados da matéria, considerando-se que o inquérito estivesse sob “segredo de justiça”, ainda que decretado administrativamente no interesse da investigação pela autoridade policial competente, o vazamento (inicial) só poderia dar-se por quaisquer dos servidores públicos (PF, MP e Judiciário) que a ela tivessem acesso por atribuições de seus respectivos cargos; cuidando-se os demais casos de divulgação indevida dos dados vazados por quaisquer daqueles servidores vinculados à persecução criminal relativa ao feito, atuantes em quaisquer dos órgãos citados. Justificar que quaisquer outras autoridades administrativas (Executivo e/ou Legislativo) tiveram acesso ao inquérito em razão de seus cargos, afigura-se-me confissão de ingenuidade ou subserviência, já aí sendo quebrada a obrigação de sigilo. Se o indiciamento deixou de ser procedido diretamente em razão da alegada necessidade de autorização judicial àqueles com prerrogativa de foro, por que, então, não representar ao ministro competente para assim proceder, dada à convicção técnica de indícios suficientes de autoria delitiva. Se, realmente, há correspondência da matéria em relação aos fatos, no mínimo, estaria a investigação incompleta, já que, concentrada mais na divulgação, queimara etapas de identificação, circunstâncias e motivação daqueles que quebraram o dever de sigilo funcional.

    1. Entendi, mas e os vazamentos de casos Boldonarianos à Globo, isso a PF não investiga, vazamentos da CPI dos filho da puta, Calheiros, aziz e randolf, isso a PF não investiga, na minha visão um tiro de 5,56 a 100 de distancia resolve quaisquer problema. CADE O POVO? NA NETFLIX, TIKTOK E KWAI. Que venha a desgraça comunista, pelo menos vai morrer gente e isso me alegra.

  12. Essa senhora é a mesma que quis realizar busca e apreensão no Palácio do Planalto, devido a “atos antidemocráticos”.
    Ou seja, ela é da turminha que considera povão na rua manifestando a favor de Bolsonaro “antidemocrático”.
    Bonito mesmo deve ser os “mortandelas” pedindo pra soltar o Maior Bandido da Nação. Aí, é ato democrático…

  13. iluMinistro desinformado (para não dizer desonesto), delegada estúpida – ontem na Jovem Pan News o Deputado Federal Filipe disse com todas as palavras que não estava sob sigilo a parte do inquérito supostamente “vazada”.

    “Diploma universitário (e também títulos acadêmicos ou cargos elevados em órgãos estatais, como, por exemplo, no STF, STJ, MPF, TCU, etc.) não ajuda a encurtar o tamanho das orelhas dos burros”.

    Barão de Itararé, 1895 – 1971, jornalista, escritor e pioneiro no humorismo político brasileiro.

  14. Façam uma pesquisa sobre essa delegadinha inculta e que NÃO SABE DE NADA…vão ver com quem ele é “afiliada”.
    Desde antes da época de Roseane Sarney candidata a presidencia …uns 30% da PF É do BOLSO PSDB SERRISTA…
    Antes 1990 era do Romeu TUMA que mandava e desmandava…JOSÉ SERRA OCUPOU ESSE ESPAÇO quando Itamar/FHC assumiram a Republica…
    LEMBRAM?! Era uma festa de vazamentos e “dossies” feitos sobre encomenda….a lá ACM.
    INFELIZMENTE 35% da Policia Federal É tudo….menos policia federal…CANALHAS e nos Corredores da PF ,,,TODO MUNDO SABE QUEM SÃO ESSE LIGADOS AOS partidos esquerdalhas,

    1. A minha dica é
      Troque o DIRETOR… coloque um General ligado ao serviço secreto das FA.
      Façam um sindicância…SIM! Uma caça às bruxas na PF…que esta merecendo há tempos…há 40 anos essa PF é PARCIAL.
      Tem que por um BASTA NISSO de aparelhamento do MPF (tudo PTralhas e Tucanalhas) da Policia Federal, no MEC, no Meio AMbiente, na SAUDE…e na Cultura

      SEM FAZER ISSO…O BRASIL NÃO TERÁ INSTITUIÇÕES E NÃO TERA RESPEITO NA OCDE.

  15. Só no Brasil que Presidente da República tem que dar satisfação para Delegado de Polícia, Lula levou bilhões e será candidato, quem sabe Putin não dá umas dicas para Bolsonaro!!!!

  16. Fica portanto caracterizado que Bolsonaro não faz qualquer interferência na PF, mantendo essa delegada e outros assemelhados “lambe botas” da PF em postos tão importantes. E dizem que Bolsonaro é antidemocrata.

  17. >Deixo, entretanto de promover o indiciamento de ambos em respeito ao posicionamento de parte dos ”””””excelentíssimos”””””’ ministros do Supremo Tribunal Federal

    Pagou pau pra ministro do stf, já sei que tem viés político nas próprias ações.

  18. Há divergências dentro da própria PF! Então como sustentar uma acusação desta?
    “Ao Supremo, a AGU citou depoimento do delegado Victor Campos, responsável pelo caso, que apresentou a mesma versão. No relatório parcial apresentado ao ministro Alexandre de Moraes, entretanto, a delegada escreveu que o inquérito policial era sigiloso.”

  19. O Brasil foi dominado por petistas que colocam a sua ideologia acima da Lei e dos deveres funcionais. Tem de haver uma rigorosa corregedoria para repor o trem nos trilhos.

  20. Enquanto nosso amigo Bolsonaro não tomar providências, esses delegados a mando de Miraes não o deixarão em paz. Certo estava Olavo quando disse que o Bozo deveria ter quebrado as pernas dos adversários na primeira semana. A primeira a ser presa deveria ter sido Rosa Weber quando entregou ao Bozo uma constituição. Ali era o sinal de qud o único brasileiro obrigado a cumprir a constituição era o Bozo. Desde então Lula foi solto, Moraes e trupe prendersm jornalistas, deputados, militantes, soltou traficantes, prendeu cidadãos em casa pela pandemia e o Bozo só falou e não agiu. Falar até papagaio fala. Olavo estava certo. E olha que nunca apoiei golpe, mas quem deu o golpe foi a trupe de Rosa. Com essa gente do STF e do PT não adianta conversar ou fazer live nas quintas feiras.

  21. Pessoal essa delegada é a mesma que trabalhava com o Moro, fazia parte da força tarefa da lava jato, o Morais mandou recrutar ela, porque é uma militante. Ela odeia o presidente…essa sim costuma vazar dados de inquéritos para aparecer.

  22. Cara, a tal investigação se tornou sigilosa depois da divulgação dão PR, vi isso ontem na JPTV, agora, se o pessoal da TV sabe disso a tal delegada também deveria saber, então, se ela sabe disso e ainda assim imputa um crime ao PR isso se caracteriza prevaricação, certo?

    1. eu ouvi isso na Jovem Pan News: a tal parte do inquérito não estava sob sigilo, e foi posta sob sigilo depois que o PR divulgou – tem caroço nesse angu, trama mesmo para afunhanhar o JB – até um idiota como eu percebe.

  23. A questão agora se resume a quem tornou esse inquérito sigiloso após a live do Bolsonaro, qual foi o responsável por isso. Isto está mais parecendo uma forjação de provas para incriminar alguém e isso é criminoso e pela forma de atuação desta delegada, pode ser ela uma das suspeitas. Agora é a PF, investigar a PF.

  24. Esse presidente é um imbercil, era sigiloso e acabou porra! Para municiar os adeptos dele divulgou e com link, agora vem com essa narrativa de que não era para emenizar, Esse Bolsonoro é um arregao de primeira linha. PQP, só tem bravata. Votei nesta bosta e não não volto mais.

    1. Cala te a boca “és trume”, foi tornado sigilo no dia da live para favorecer uma narrativa persecutória, vc cai que nem pato nas conversas dos canhotos…

      1. Concordo com você Bruno. Em vez de mostrar ao povo que houve uma invasão no sistema do TSE, fazem de tudo para encobrir os fatos e procuram qq forma para incriminar quem tem coragem de mostrar a realidade. Acho que o Washington Oliveira vai ter a chance de votar no Lula novamente. Deve estar muito feliz.

    2. Imbecil é vc discípulo do ex presidiário Luladrão. Vc como todo canalha esquerdeopatas sempre vem com essa conversa de ter votado JB mas votou no indicado pelo maior chefe de ORCRIM das Américas, seu mestre, o jumento pinguço de garanhuns. Vc votou no Haddad, esquerdeopata cretino…

    3. Esses infiltrados que ficam postando essas bobagens demonstram claramente quem são: um bando de adolescentes que recebem ordens de uma central, escrevem tudo errado com dois dedinhos e ficam mudando de nick a toda hora para disfarçar. É uma patrulha organizada, uma amiga pensando que eu era de esquerda me contou que o posto dela era patrulhar o Estadāo.

    4. Washington, você é mais um imbecil egresso da #CrusoLixo a mando do Mainardi e seu bando. Foi infiltrado aqui com assinatura paga , mais mortadela e guaraná tubaína. Vaza!

  25. Mais um teatrinho dessa “delegada” para ganhar notoriedade (negativa). Pena que na PF, uma Instituição séria, tem nos seus quadros técnicos, profissionais mercenários que não se respeitam e cumprem ordens absurdas dos biltres do STF.

  26. Todo o Brasil sabe que so foi colocado em sigilo dias depois da live do Bolsonaro.Acredito que ela não sabia entretanto,trata se de um grave erro que sem duvida podera prejudicar seu trabalho que deveria ser isento de ideologia ou partidarismo.Lamentavel

  27. Quando você presta um concurso público e é aprovado o minimo que espera é que seus pares estejam miseravelmente num patamar sofrível de postura e entendimento em comparação a você; exatamente por isso é tão importante que juízes do STF sejam escolhidos entre juízes de carreira. Quando um concursado adota atitudes incoerentes com os requerimentos mínimos esperados fica bem clara a atividade política.

  28. Alguem avisa essa delegada que os dados do inquérito não eram sigilosos até a data da live, logo pode ser divulgado até pela puta que pariu da imprensa…Não estudou essa parte do CPP delegada ? chupa.

      1. O aparelhamento é notório. Após 2022 Bolsonaro tem q quebrar as pernas da militância federal, começando pela Policia Federal pois está claro seu alinhamento com o STF.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.