Fux fecha semestre e diz que STF deu segurança jurídica às eleições

Supremo Tribunal Federal entra em recesso durante julho
-Publicidade-
Ministro Luiz Fux vai transmitir a presidência do STF a Rosa Weber em setembro
Ministro Luiz Fux vai transmitir a presidência do STF a Rosa Weber em setembro | Foto: Nelson Jr./SCO/STF

O Supremo Tribunal Federal (STF) encerrou as atividades do primeiro semestre de 2022 nesta sexta-feira, 1º. Em uma sessão plenária de balanço, o ministro Luiz Fux, presidente da Corte, apresentou um balanço da atuação no período.

Fux disse que o Supremo conseguiu atender aos anseios da sociedade brasileira em temas relevantes e ainda exaltou os números alcançados pelo tribunal nos primeiros seis meses do ano.

O presidente exaltou especificamente o esforço do STF em temas como a segurança jurídica das eleições deste ano e o combate à desinformação, com implementação de parcerias com representantes da sociedade.

-Publicidade-

“Fizemos um grande esforço para apresentar soluções para casos relevantes da sociedade brasileira e no combate à desinformação. Reforço as medidas institucionais para compreender como essa desinformação sobre o tribunal e seus ministros são propagadas e quais medidas de reação podem ser tomadas. Conseguimos oferecer à sociedade brasileira informações objetivas sobre a atuação do Supremo”, afirmou.

“O Supremo Tribunal Federal também demonstrou aptidão para sua vocação institucional: a de ser uma Corte Constitucional. Assim, fixou teses jurídicas sólidas para a solução de controvérsias constitucionais complexas. Julgou ações sobre temas eleitorais multifacetados. Segurança jurídica ao pleito que ocorrerá este ano.”

Recesso e transição

O STF entra em recesso em julho e retoma os julgamentos em agosto. Neste período, somente os casos urgentes vão ser analisados pelo presidente. A partir de setembro, Fux deve deixar a presidência da Corte, que ocupa há quase dois anos. O ministro vai ser substituído por Rosa Weber.

Nesta sexta-feira, Luiz Fux também divulgou números sobre as atividades do Supremo no primeiro semestre.

STF no 1º semestre do ano:

  • 32 processos presenciais e por videoconferência na Primeira Turma, mais 2.577 em sessões virtuais;
  • 28 processos presencialmente e por videoconferência na Segunda Turma, mais 1.873 em sessão virtual;
  • 25 processos presenciais no plenário, mais 2.484 em sessão virtual.

Leia também: Eles não querem cumprir a lei, artigo de J. R. Guzzo na Edição 199 da Revista Oeste.

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

33 comentários Ver comentários

  1. SÓ NA CABEÇA DELE EXISTE ESSA AFIRMAÇÃO, PRA MIM A FRAUDE NUNCA ESTEVE TÃO PRESENTE, CADE A SEGURANÇA JURÍDICA O QUAL AFIRMA??? SOMENTE ELE ACHA ISSO !!!! VIVE EM OUTRO MUNDO….

  2. O STF virou um bando de estelionatários, picaretas, vagabundos, mentirosos, gente sem o mínimo de vergonha e compostura. Só faltou o imbecil dizer que são bem recebidos pelo País afora.

  3. Mentira! Stf é a própria insegurança jurídica. Rasga a CONSTITUIÇÃO Federal diariamente, inquéritos ilegais como INQUÉRITO DAS FAKE NEWS.#StfDaVergonha #FechadoComBolsonaro #EuQueroVotoImpresso #lulaNaCadeia

  4. Mas que canalha, um chefe da quadrilha chamada STF (vou poupar por enquanto André e Nunes), esse zé ruela de peruca é um retardado para dizer isso.

  5. Com toda a segurança, posso afirmar com plena certeza que esse juiz (talvez o único naquele hospício) é, no mínimo, um cínico. Deve dizer aquelas palavras com um sorriso indisfarçavel de cinismo.

  6. Se existe no Brasil um lugar onde se pratica as mais deslavadas mentiras, é no STF, é Fux que confirma o que estou dizendi, o que está ruim ainda vai piorar, com Madame Mim na presidência daquela pocilga.

  7. Eu tô achando que os ácaros dos carpetes do salão nobre do supremo deve estar afetando a cabeça desses ministros! Deve estar trazendo algum malefício aos neurônios deles! Fux falou tudo o que o STF não fez!

  8. Só esqueceu de dizer que deixaram a constituição de lado e agiram como um partido de oposição ferrenho ao governo federal e causou enorme insegurança jurídica! Também não disse se o STF vai lançar candidatura própria ou vai continuar coligado com o PT!

  9. esses tipo de waggabound tipifica o próprio demônio… isso é um deboche com o povo brasileiro de bem principalmente as famílias… exceto 2, os “ministros” do çupremo envergonha a democracia… deviam estar presos…

  10. Fico imaginando se a desconexão com a realidade demonstrada pelos Ministros do STF, se deve a alguma coisa que eles colocam no ar-condicionado do STF. Talvez seja o buquê dos vinhos premiados que eles bebem, que se espalha pelo ar, que os deixam inebriados, e eles passem a acreditar serem os “salvadores do país”.

  11. ESCRITAS DE UM CARA FALSO, CLARAMENTE ESSES 171 DO STF SABEM QUE ESTAO SENDO ODIADOS CADA VEZ MAIS PELA POPULACAO DO BEM, MAS NEM PALESTRAS (SERIAS) PARA UM PUBLICO NAO ORQUESTRADO CO ESSES CANALHAS CONSEGUEM MAIS FAZER.

  12. Luís Fux deve estar de brincadeira. Desinformação é um termo sendo usado por Alexandre de Moaraes e Luís Fuz precisa entender que as pessoas leem o que eles leem. Não desinformação. Muito ao contrário a sociedade está a par do que é verdadeiro e do que não é. Desinformação é o que o Supremo passa ao não respeitar a Constituição. fazendo desta Lei Maior um instrumento de perseguição. Fux sabe e outros de seus colegas devem saber que essa composição do STF não se sustentará por muito mais tempo.O STF instaurou um regime de exceção!

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.