Onde está o dinheiro do Geddel?

Ex-deputado foi condenado por guardar R$ 51 milhões em espécie num apartamento-cofre
-Publicidade-
Fortuna apreendida pela Polícia federal em 2017 na Bahia - Foto I Agência Brasil

A foto acima é inesquecível no noticiário político-policial, que, no Brasil, andam de mãos atadas, infelizmente. São R$ 51 milhões atribuídos ao ex-deputado baiano Geddel Vieira Lima (MDB), profundo conhecedor dos caminhos da rapinagem do dinheiro público desde o escândalo dos Anões do Orçamento, em 1993 — e há quem diga que, antes disso, já estava em atividade no seu Estado.

As nove malas e seis caixas com dinheiro em espécie foram descobertas pela Polícia Federal no dia 8 de setembro de 2017, escondidas em um apartamento-cofre na cidade de Salvador. Na época, o imóvel havia sido emprestado por um amigo a Geddel com o pretexto de que o político armazenaria ali pertences do seu pai. O político foi preso três dias depois e condenado a 14 anos de prisão — segue cumprindo a pena, mas em casa porque o Supremo Tribunal Federal (STF) entendeu que ele corria risco de morte por ser do grupo de risco da covid.

A polícia concluiu que ele surrupiou os valores por meio de fraude na liberação de créditos da Caixa Econômica Federal de 2011 a 2013, quando a ex-presidente Dilma Rousseff o manteve como um dos vice-presidentes da instituição. A Procuradoria-Geral da República (PGR) denunciou o político por lavagem de dinheiro. Em sua defesa, Geddel disse que era responsável apenas pela “simples guarda de valores em espécie” — mas nunca explicou direito quem era o dono da fortuna.

-Publicidade-

No ano passado, o procurador-geral da República, Augusto Aras, pediu hoje ao Supremo Tribunal Federal (STF) que os R$ 51 milhões, depositados em uma conta judicial desde então, fossem repassados para o combate à pandemia — a base para a transferência seria a resolução 313/2020 do Conselho Nacional de Justiça (CNJ). A Corte, contudo, não analisou o pedido até hoje.

Telegram
-Publicidade-
Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Meios de pagamento
Site seguro